sábado, 16 de fevereiro de 2013

Onde o Oeste do Pará influencia na disputa do Governo do Estado? Você sabe? Pois saiba que somos nós que decidimos quem vence para governar o Estado, por isso nós conseguimos colocar nos últimos dois governos os vices nas chapas vencedoras, é simples a razão.

Nelson Vinencci é músico e compositor da Amazônia e escreve regularmente no Espalha Brasa.
Uma notinha publicada na coluna do Repórter 70, na edição de sexta 15 de fevereiro do jornal O Liberal, me chamou a atenção para o lari-lari político que já está a todo vapor com seus nuances que freneticamente ensaiam um velho ritmo para 2014.
A nota afirma que os aliados do Governo Jatene estão pressionando o Governador para barrar imediatamente, todos os peemedebistas e simpatizantes que ocupam cargos no Estado, pois para eles, estão a serviço de seu líder maior, o Senador Jader Barbalho.
Isso só deixa claro para nós, a vinda de Helder Barbalho para governador do estado, que certamente deve disputar com o Jatene, natural candidato a reeleição. Por isso, aliados se adiantam para expulsar o PMDB antes que seja tarde demais.
Assim me adianto aqui para dizer a você leitor, que Simão Jatene PSDB deve disputar com Helder Barbalho PMDB, e dependendo do acórdão (decisão final) do Mensalão, que o STF deve publicar, ninguém sabe quando, o Paulo Rocha PT deve vir também.
Então para nossa compreensão, o Jatene só venceu a Ana Júlia, porque se abraçou com o Jader, pois a possibilidade de um governador vencer sem o apoio do PMDB no Pará, é quase zero, devido o título de fiel da balança que o eleitor paraense deu a Jader.
Mas tem uma coisa; o PMDB também não vence, sem o apoio do PT ou do PSDB e outros - tem disso também. O que se desenha, se Helder vier de fato, é uma nova história política no Pará - a tentativa do PMDB, de voltar ao comando do Estado.
Revendo a história, foi em 1990 que Jader conquistou seu segundo mandato de governador do Pará, e em 1994 antes de terminar o mandato, se desincompatibilizou para que o vice Carlos Santos, assumisse e então Jader foi eleito senador. O resto a gente já sabe...
Em 2014, caso Helder Barbalho se eleja governador do Pará, completam exatos 20 anos que o PMDB não conseguiu mais chegar perto do comando do Pará. 8 anos do Almir, + 4 do Jatene = 12, + 4 da Ana Júlia = 16 e mais 4 agora do Jatene, fecha a conta dos 20 anos.
Onde o Oeste do Pará influencia na disputa do Governo do Estado? Você sabe? Pois saiba que somos nós que decidimos quem vence para governar o Estado, por isso nós conseguimos colocar nos últimos dois governos os vices nas chapas vencedoras, é simples a razão.
A disputa para o Governo do Pará, é primeiro decidida no Parazinho, região metropolitana de Belém, pois a campanha por lá é feita de carro, sai mais barata e os votos de lá devido a igualdade de condições na disputa são rachados, com pequena vantagem para quem está bem na disputa.
Assim a decisão fica para a nossa região, que demora para se decidir, devido a distância, a campanha caríssima, pois requer avião, barcos com boa estrutura e muito dinheiro. Então os candidatos do Parazinho, correm e puxam para seus vices filhos do Oeste do Pará.
Leva vantagem quem tem um vice da região oeste, pois o povo vê aí razão para votar no candidato do Parazinho, e lhe revelo agora que o vice de Helder Barbalho, cobiçado por Jader é o deputado Lira Maia DEM, por ser um líder na região.
O Governador Simão Jatene, também quer o Lira Maia, só que por enquanto, o que ele exige para topar a parada, assusta o Governador, e no fundo Maia sabe que ele vale muito nessa disputa que começa a se definir, por isso se valoriza como pode.
Tudo isso que estou escrevendo está embaralhando a cabeça do novo prefeito de Santarém Alexandre Von, que fica entre a cruz e a espada, pois para ele seria ideal que Maia fechasse com o Jatene que é do seu partido e não com o Jader, caso isso não ocorra muita coisa muda aqui em Santarém.
Por enquanto é apenas um ensaio do que pode ocorrer em 2014... pode apostar!

CAPITAL DO PARAZINHO É A CAMPEÃ DE HOMICÍDIOS NO CARNAVAL

BELÉM FOI A CAMPEÃ DE HOMICÍDIOS DURANTE O CARNAVAL
Casos de tráfico de drogas também foram maiores
Portal ORM
A capital paraense foi a cidade do Estado que registrou o maior número de homicídios durante o período de Carnaval. Os números divulgados, nesta sexta-feira (15), pela Segup (Secretaria de Segurança Pública do Pará), durante coletiva à imprensa, foram registrados no período de 9 a 13 deste mês.
Belém ficou no topo com 15 mortes, Marabá aparece em segundo com nove, seguido por Capitão Poço, Tailândia e Parauapebas com três cada. Por fim, Barcarena, Ananindeua e Marituba, com dois em cada uma. Segundo a Secretaria, a maioria dessas mortes não teve relação com as festividades, mas por questões interpessoais, como o envolvimento de pessoas com o tráfico de entorpecentes, entre outros.
Queda - Em compensação, o número geral de ocorrências registradas este ano, diminuiu em relação a 2012 em 13,12%. No ano anterior foram contabilizadas 1.973 ocorrências, e este ano, 1.714.
Os números referem-se aos registros dos principais crimes: furto, roubo, homicídio, latrocínio, estupro, lesão corporal e tentativa de homicídio. No caso dos crimes chamados proativos, como o tráfico de drogas, houve aumento no número de casos registrados, de 47 para 52 procedimentos (crescimento de 10,63%), 1.083 ocorrências, em 2012, para 866, em 2013. Em Belém, a redução foi de -19%, sendo 763 ocorrências, em 2012, e 615, em 2013. Em Ananindeua, a redução foi de -30,94%, caindo de 223, em 2012, para 154 ocorrências, em 2013.
Na região do Salgado, também houve redução nas ocorrências dos principais crimes reativos, saindo de 234, em 2012, para 183 ocorrências, em 2013, o que representou uma queda de -21,79%. Em Vigia, a redução foi de -23,17%, caindo de 82, em 2012, para 63 registros, em 2013. Em Castanhal, a redução foi de -30,18%, sendo 53, em 2012, e 37 ocorrências, em 2013.
No Sudeste do Pará, houve o aumento de 6,18%, sendo 97 ocorrências, em 2012, e 103, em 2013. Continue lendo...

ALTAMIRA URGENTE: O CRACK TOMOU CONTA DA CIDADE

APREENSÃO DE CRACK AUMENTA 900% EM MUNICÍPIO PRÓXIMO A BELO MONTE
Pedro Peduzzi* - Repórter da Agência Brasil
Brasília – Entre 2011 e 2012, a apreensão de crack aumentou 900% em Altamira (PA), enquanto a quantidade de cocaína foi ainda maior, crescendo cerca de 12 vezes. O município, o mais afetado pelas obras de instalação da Usina Hidrelétrica de Belo Monte, também tem sofrido com o aumento da prostituição.
Recentemente, a Polícia Civil fez duas operações que libertaram 16 mulheres e uma travesti mantidas em cárcere privado e obrigadas a se prostituir.
De acordo com o superintendente regional da Polícia Civil no Xingu, delegado Cristiano Nascimento, o tráfico de entorpecentes aumentou muito na cidade. “Em 2011, foram apreendidos 4 quilos de crack e feitas 55 prisões de traficantes. Em 2012, foram apreendidos 40 quilos da droga e presos 176 traficantes”, disse à Agência Brasil o delegado.
“Agora está entrando cocaína pura para um mercado de clientes de maior poder aquisitivo, com condições de pagar o alto preço da droga [R$70 por grama na região]”, acrescentou. De acordo com o delegado, em 2011 foram apreendidas 40 gramas de cocaína. Em 2012, foram 500 gramas.
O período de crescimento do tráfico e da prostituição coincide com o início das obras de instalação da usina, em 2011. Entre a população de maior poder aquisitivo estão os comerciantes, em especial os que enriqueceram com o inchaço populacional, e os técnicos que passaram a visitar a cidade.
Na última quarta-feira (13), a Polícia Civil deu início a duas operações contra a exploração sexual na região. A primeira foi desencadeada após a fuga de uma menor de idade de uma boate onde, durante uma semana, foi mantida em cárcere privado e obrigada a se prostituir.
“Ela relatou que era mantida presa e que veio do Rio Grande do Sul com a promessa de trabalho bem remunerado. Após chegar à cidade, foi ameaçada, agredida e obrigada a se prostituir”, informou o delegado Nascimento, coordenador da operação. Continue lendo...

sexta-feira, 15 de fevereiro de 2013

QUADRILHA QUASE MATA PREFEITO NO AMAZONAS


POLÍCIA PRENDE SUSPEITOS DE TENTAR MATAR PREFEITO NO INTERIOR DO AM
Operação teve início logo pela manhã e prendeu quatro pessoas e apreendeu um adolescente de 17 anos em Manaus
BRUNA SOUZA E THIAGO MONTEIRO – Á CRÍTICA
Uma operação policial foi realizada na manhã desta sexta-feira (15) na Zona Leste e Zona Centro-Sul de Manaus, em cumprimento de cinco mandados de prisão e mais cinco mandados de busca e apreensão por formação de quadrilha e tentativa de homicídio contra o prefeito, vice-prefeito e um procurador de justiça do município de Rio Preto da Eva, localizado a 57 quilômetros em linha reta de Manaus.
De acordo com o delegado titular do 36º Distrito Integrado de Polícia (DIP) que coordena a ação, Virgílio César de Mendonça, desde o mês de setembro de 2012, a quadrilha era investigada pela polícia após denúncias do próprio prefeito Luiz Ricardo de Moura Chagas, 45, mais conhecido como Dr. Ricardo, do Partido Republicano Progressista (PRP), que foi eleito com 6.351 votos nas últimas eleições, e do vice-prefeito Ernani Nunes Santiago, 54.
Segundo eles, ambos vinham sendo seguidos por carros e recebiam ameaças do grupo liderado por dois falsos advogados que atuavam na cidade com documento falso da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB).  Bolivar de Almeida Maués e o filho dele, Bruno Leandro Campos Maués foram presos durante a operação no condomínio residencial Bosque dos Ingleses, na Constantino Nery, no bairro da Chapada, Zona Centro-Sul, e na Colônia Japonesa.
O procurador Erick Franco de Sá e um empresário conhecido como Antônio Carlos, também chamado de 'Carlinhos', também seriam vítimas do grupo que tinha participação de Maicon Silva, 28,  conhecido como ‘mototaxista’, Raimundo Ranieri da Silva, 45, o ‘Negão’ que acabaram presos e um adolescente de 17 anos apreendido na rua Nova Esperança, bairro Jorge Teixeira, 4º Etapa, na Zona Leste. 
Segundo Virgílio César, Bolivar e Bruno teriam oferecido ao trio R$5 mil para matar o prefeito e vice-prefeito, além de R$15 mil no pagamento da morte do procurador de justiça. A operação contou com a participação da Força Tarefa da SSP, Secretaria de inteligência, Grupo FERA e policiais civis do 36º DIP.
Os presos foram encaminhados à sede da Secretaria de Segurança Pública (SSP) localizada na avenida Torquato Tapajós. Maicon, Raimundo e o adolescente estavam com uma espingarda e um revólver calibre 38 com seis munições, sendo que duas estão deflagradas, e vão responder por porte ilegal de arma de fogo. Bolivar e Bruno foram presos por utilizarem documento falso e todos os acusados responderão pelo crime de formação de quadrilha. (A Crítica)

Tudo bem, o Brasil está rico, poderoso, solidário, mas 43% dos alfabetizados não sabem ler, mais da metade das cidades não tem esgoto tratado, 1/3 das Câmaras Municipais - e do Congresso Nacional - estão nas mãos de processados ou condenados pela Justiça.

Nelson Motta é escritor, compositor, diretor de tevê, agente multicultural que escreve nos maiores jornais do Brasil.
"Parei minha moto no shopping, roubaram a tampa da válvula do pneu. Tinha uma ótima tesoura Tramontina para tosar cachorros, mas alguém que esteve na minha casa a trocou por uma de pior qualidade. O médico me mandou tirar radiografia desnecessária só para gastar dinheiro do plano de saúde. Minha revista semanal sumiu na portaria do prédio."
A prosaica semana de um leitor carioca, tão banal e parecida com a de milhões de brasileiros de todas as classes sociais que são vítimas constantes de pequenos (e grandes) roubos e malandragens públicos e privados, mostra como isto está arraigado na nossa cultura, atravancando o crescimento do nosso IDH, por mais que se invista em educação, tecnologia e infraestrutura.
Será que estamos condenados para sempre a essa cultura nefasta? Ou já foi pior e aos poucos está mudando por força da lei, da polícia e da Justiça? E dos bons exemplos que se espalham na mídia e nas redes sociais, embora os piores exemplos venham justamente dos que têm por obrigação a conduta exemplar: os políticos que fazem do Congresso uma das instituições mais desmoralizadas diante da população.
Tudo bem, o Brasil está rico, poderoso, solidário, mas 43% dos alfabetizados não sabem ler, mais da metade das cidades não tem esgoto tratado, 1/3 das Câmaras Municipais - e do Congresso Nacional - estão nas mãos de processados ou condenados pela Justiça. Não é uma questão de ideologia, é de uma cultura, que não muda com leis, programas ou verbas, mas com o tempo e os exemplos que vêm de cima e de fora, em casa e no trabalho. Moralismo otário? Ou exigência do desenvolvimento social?
Nos anos 60, acreditava-se que a revolução castrista não só transformaria a política, a economia e a cultura em Cuba, mas criaria o "novo homem cubano", limpo, livre e solidário, mas hoje os furtos, transgressões e malandragens se tornaram um modo de vida na ilha, pela nobre causa de comer todo dia.
Não bastam a economia, a educação e a tecnologia, é o exercício dessas leis não escritas - porque todos conhecem - que vai tornar melhor, ou pior, viver em um país rico e sem miséria. Na moral.

ATENÇÃO: NASA CONFIRMA; ASTEROIDE DEVE PASSAR ÀS 17H25 RASPANDO A TERRA

NASA MONITORA ASTERÓIDE, QUE DEVE SE APROXIMAR DA TERRA ÀS 17H25, NO HORÁRIO DE BRASÍLIA
AFP - Agence France-Presse
A agência espacial americana Nasa está monitorando o trajeto de um grande asteróide, que deve se aproximar da Terra nesta sexta-feira e se converter na maior aproximação já prevista para um objeto tão grande.
O asteróide de 45 metros, batizado de 2012 DA 14, deve alcançar o ponto mais próximo do planeta aos 27.000 km por volta das 19h25 GMT (17h25 de Brasília), afirmou a Nasa.
"A distância é bastante grande da Terra e do enxame de satélites terrestres, incluindo a Estação Espacial Internacional", destacou em um comunicado.
De qualquer forma, o "2012 DA 14 é a maior aproximação da Terra de um objeto tão grande".
A agência espacial insistiu que não é preciso ter medo: "A Nasa tem uma grande prioridade em rastrear asteróides e proteger nosso planeta deles".
O asteróide não chega aos 10 km de comprimento que tinha o meteorito que se chocou com a Terra e provocou a extinção dos dinossauros, mas é suficientemente grande para limpar uma grande região urbana se ocorrer uma colisão.
O asteróide, que será visível no leste de Europa, Austrália e Ásia, fornece "uma oportunidade única para os pesquisadores estudarem o objeto de perto".
A Nasa estima que asteróides pequenos com o 2012 DA 14 se aproximam de nosso planeta a cada 40 anos, em média, mas só chegam a colidir a cada 1.200 anos.
A agência espacial americana não informou se a aproximação do 2012 DA 14 está relacionada com a colisão de vários meteoritos que caíram nesta sexta-feira na região russa dos Urais, ferindo ao menos 400 pessoas.
"Às 09h20 (01h20 de Brasília) foi observado um objeto em Cheliabinsk que voava a grande velocidade e deixava um rastro. Dois minutos depois foram ouvidas duas explosões", indicou um funcionário do Escritório Regional de Situações de Emergência, Yuri Burenko, em um comunicado.
As violentas explosões acompanhadas por clarões, que derrubaram paredes e janelas, provocaram pânico na região. (Diário de Prenambuco)

DEPOIS DE MUITO ESTUDO, SUOR E CERVEJA, VON RECEBE A CARTA DO ÓBVIO: OS PORTOS DA TIRADENTES E DA VILA ARIGÓ, SERVEM REALMENTE PARA SEREM PORTOS

PARECE BRINCADEIRA, MAIS É SÉRIO, DE DEIXAR A GENTE DE QUEIXO CAÍDO
O Governo Alexandre Von PSDB, encomendou um estudo para Companhia de Portos e Hidrovias do Pará, na pessoa do Diretor Haroldo Bezerra, sobre os portos de Santarém, para a futura construção de um Terminal Hidroviário, sonho mais antigo do que do asfaltamento da BR 163, que já dura mais de 200 anos, para os Santarenos.
Nesta sexta (15) a prefeitura de Santarém, publicou o resultado do tal estudo tão esperado pelo Governo Von, para então se tomar alguma providência sobre a construção do sonho que já virou pesadelo, o tal terminal fluvial na Pérola do Tapajós.
Depois de muito estudo, suor e cerveja, foi descoberto o óbvio: Que o porto da Praça Tiradentes, na Avenida Tapajós onde funciona uma bagunça desgraçada, e o da vila Arigó, na Avenida Borges Leal. Ambos são consideradas pelo Plano Diretor Municipal como “áreas portuárias definidas” e tem fortes vantagens para serem construídos ali um bendito porto, aponta os estudos do pessoal de confiança do Von.
UMA COISA NOS CHAMOU A ATENÇÃO:
Será que o Von nunca viajou de barco? Nunca desembarcou no porto da Tiradentes? Nem na Vila Arigó? Porque uma coisa tão óbvia, tão clara, tão fácil de resolver, seria preciso fazer um estudo avançado? Tem mais, o lá da Tecejuta também presta para ser porto viu Alexandre Von, não vai ser porque foi o PT que começou a obra e vocês não vão construir casa no terreno dos outros né?
Veja o estudo mais interessante já apresentado nestes dois meses pelo Governo Von

ESTUDO IDENTIFICA ÁREAS PARA IMPLANTAÇÃO DO TERMINAL HIDROVIÁRIO DE SANTARÉM
O diretor de Gestão Portuária da Companhia de Portos e Hidrovias do Pará (CPH), Haroldo Bezerra, apresentou à equipe do prefeito Alexandre Von estudo preliminar de áreas para construção do Terminal Hidroviário de Santarém. O levantamento apontou duas áreas: Praça Tiradentes, na Avenida Tapajós onde funciona o porto improvisado, e a vila Arigó, na Avenida Borges Leal. Ambas são consideradas pelo Plano Diretor Municipal como “áreas portuárias definidas”. Participaram da reunião a gerente de Projetos da CPH, Liane Brito, e membros das Secretarias de Infraestrutura (SEMINFRA) e Mobilidade e Trânsito (SMT), os coordenadores de Saneamento Básico, Hugo Aquino, e Habitação e Desenvolvimento Urbano, Dílson Quaresma.
O estudo levou em consideração critérios como: condições do terreno, acessibilidade, existência de área disponível, aspectos socioculturais e legais/ambientais. De acordo com Haroldo Bezerra a área 1, onde funciona o porto da Praça Tiradentes, apresenta pontos fortes/vantagens: área com abrangência favorável a construção de terminal de cargas e passageiros, está localizada em uma área portuária com grande representatividade, apresenta boa logística e rede de serviços de apoio ao passageiro.
As desvantagens, segundo o diretor da CPH, são as que todos conhecem, mas as principais são: baixa capacidade de ordenamento do fluxo de cargas/passageiros, dificuldade de acessibilidade e escassez de oferta organizada de serviços intermodais e falta de pontos de drenagem. Continue lendo...

GOVERNO PERDIDO: PROFESSORES APOSENTADOS SÓ RECEBERÃO RETROATIVO A PARTIR DE JUNHO


APOSENTADO EM EDUCAÇÃO DO ESTADO RECEBE DIFERENÇA A PARTIR DE JUNHO
Os aposentados da rede pública estadual de ensino receberão a diferença do piso salarial de 2012 nos meses de junho, julho, agosto e setembro. Um acordo entre o governo do Estado e a categoria garantiu o parcelamento do retroativo em quatro vezes. Ano passado, o piso nacional do magistério ficou em R$ 1.451,00. Além disso, no mês de janeiro, os professores aposentados não receberam o novo piso da categoria, R$ 1.567,00.
De acordo com a titular da Secretaria de Estado de Administração (Sead), Alice Viana, isso aconteceu porque a folha deles fecha mais cedo que os demais servidores. Por isso, ficou acordado com o governo que, em fevereiro, eles irão receber o valor corrigido e o retroativo referente a janeiro.
Sintepp - Mateus Ferreira, coordenador-geral do Sindicato dos Trabalhadores em Educação Pública do Estado do Pará (Sintepp), explica que o valor retroativo referente ao ano passado varia para cada aposentado, dependendo de quando cada um recebe de aposentadoria - mas ele calcula que a média por pessoa deve ser de R$ 600,00, cerca de R$ 150,00 a ser pago por mês. "Desde que governo pagou o salário (piso) da ativa, deveria ter pago o dos aposentados. Mas a categoria avaliou que era melhor entrar em um acordo para não protelar", afirma Ferreira.
O coordenador do Sintepp afirma, ainda, que o governo se comprometeu a não atrasar mais o pagamento do piso para os aposentados. "Ficou o compromisso de que o Igeprev (Instituto de Previdência do Estado do Pará) vai sempre acompanhar o salário da ativa", acrescenta.
Representante dos aposentados dentro do Sindicato dos Trabalhadores em Educação Pública do Estado do Pará, Luiz Fernando da Silva estima em torno de 14 mil o número de professores aposentados pelo Estado. Após esses acordos, ele afirma que a categoria tem se reunido com o governo por outras reivindicações. Uma delas trata sobre uma gratificação paga aos servidores do Estado.
"Todos os funcionários públicos foram contemplados com uma espécie de abono e o governo estava pagando R$ 30,00 para os professores. Mas isso foi tirado dos professores aposentados, sendo que já estava incorporado", argumenta Silva. (Amazônia – ORM)

Enquanto Lula põe a criatividade em ação para sacar uma nova Dilma ou um novo Haddad para o Bandeirantes, Alckmin pode ir se preparando para uma eleição muito difícil no ano que vem.

Eliane Cantanhêde é colunista da Folha de S. Paulo em Brasília desde 1997. Escreve também a coluna Pensata da Folha Online e é comentarista de política.

BRASÍLIA - Desde 2004, o Brasil caiu de 15º para 6º lugar no índice de inflação na América do Sul, mas a coisa é mais grave em São Paulo, onde, segundo o Dieese (departamento sindical responsável por esse tipo de estatística), o custo de vida teve a maior alta em dez anos.
O Brasil também registrou uma queda de 1,4% no nível de empregos da indústria em 2012, mas a coisa, mais uma vez, fica pior em São Paulo, onde, segundo o IBGE (que acompanha os níveis de ocupação), a retração foi de 2,6%, só melhor do que no Nordeste (2,7%).
Para o cidadão, os números dizem muito pouco e tanto faz se a culpa é do governo federal, do Estado ou do município. O que importa é a percepção de que os preços dos alimentos estão aumentando e que as fábricas já não estão tão acolhedoras para novas contratações. E o governador será o "culpado" mais ao alcance da mão, e do voto, nas eleições de 2014.
Com Dilma bem embalada por Lula, por medidas muito populares -como queda na conta de luz- e pelos aumento dos índices oficiais de inclusão social, a reversão de humor pode cair não na sua candidatura à reeleição à Presidência, mas, sim, na de Geraldo Alckmin à reeleição ao governo do Estado.
A isso se somam o poder deletério do aumento da violência sobre a imagem do governador, o desgaste natural de quase duas décadas de PSDB no poder estadual e a alternância entre Alckmin e Serra em sucessivas disputas, sufocando o surgimento de lideranças tucanas.
Enquanto Lula põe a criatividade em ação para sacar uma nova Dilma ou um novo Haddad para o Bandeirantes, Alckmin pode ir se preparando para uma eleição muito difícil no ano que vem.
Se tem a máquina, ele vem perdendo em imagem e não vai ter lá grandes suportes no resto da chapa. Com tantos pré-candidatos ao Senado, por exemplo, o PSDB certamente não tem "o" candidato.

REPENTISTA NÃO CONHECE A LEI QUE REGULAMENTA A PROFISSÃO DA CATEGORIA

PARA REPENTISTA, LEI QUE REGULAMENTA A PROFISSÃO AINDA É POUCO CONHECIDA
Marcelo Brandão - Repórter da Agência Brasil
Brasília – A maioria dos repentistas ainda não conhece a lei que regulamentou a profissão dessa categoria de cantadores no país. No segundo dia do Encontro Nordestino de Cordel, em Brasília, o repentista Antônio Lisboa Filho disse que são poucos os colegas que têm conhecimento da Lei 12.198/2010.
“A lei não chegou a 5% da profissão, dos cantadores, dos cordelistas”. Para ele, é preciso uma divulgação maciça entre esses artistas. “Entendo que grande maioria dos repentistas e cordelistas está desinformada do que ocorreu e do que está por vir. O que precisa ser feito é uma grande divulgação. Que se utilize a mídia da cantoria para isso. São muitos programas de rádio, jornal e TV, além de associações e federações”, disse.
O evento hoje (14) também foi marcado pelo debate previdenciário. A mesa teve a participação do advogado Luis Gonzaga de Araújo e de Maria Santos Alves, técnica do Ministério da Previdência Social. Ambos tiraram dúvidas sobre o assunto. A plateia, composta de cordelistas, emboladores de coco, repentistas e declamadores, fizeram perguntas sobre como poderia ser feita a aposentadoria para os repentistas.
Foram discutidas possibilidades de contribuição previdenciária para a categoria. Maria Santos Alves destacou o Artigo 37 da Lei Geral da Copa, criada em 2012, que concede aposentadoria para jogadores de futebol campeões de copas do Mundo. “Esse é um tipo de aposentadoria na qual não há contrapartida. O dinheiro sairá do Orçamento da União. Talvez vocês possam trilhar um caminho semelhante, por conta do valor cultural de suas obras”, declarou. Continue lendo...

ANO LETIVO COMEÇA COM UM PACTO NACIONAL PELA ALFABETIZAÇÃO


ANO LETIVO COMEÇA COM O PACTO PELA ALFABETIZAÇÃO ATÉ OS 8 ANOS DE IDADE EM 89,9% DO PAÍS
Mariana Tokarnia - Repórter da Agência Brasil
Brasília - O ano letivo começa hoje (14) em grande parte das escolas públicas do país. Junto com as aulas, tem início também o Pacto Nacional pela Alfabetização na Idade Certa (Pnaic). Ao todo, 4.997 municípios dos 26 estados mais o Distrito Federal concluíram o processo de adesão ao pacto até dezembro de 2012, o que representa 89,8% dos municípios do país. Outros 328 aderiram parcialmente, não concluíram o processo de adesão ou não se manifestaram. Apenas oito optaram por não firmar o acordo que tem como objetivo assegurar que todas as crianças estejam alfabetizadas até os 8 anos de idade, ao final do 3º ano do ensino fundamental.
Para que o Pnaic seja implementado, desde o anúncio do pacto, em novembro do ano passado, o Ministério da Educação (MEC) trabalha na formação de uma rede que envolve estados, municípios, universidades e escolas na capacitação, ensino e avaliação da fase que compreende o ciclo da alfabetização: 1º, 2º e 3º anos da educação básica.
Um total de 37 universidades públicas é responsável pela formação dos orientadores de estudo que por sua vez serão responsáveis pela capacitação dos professores alfabetizadores. De acordo com o calendário proposto pelo MEC, a formação dos orientadores acontece desde dezembro do ano passado em alguns estados. Até março a primeira etapa da formação - 40 horas do total de 400 horas, 200 por ano até 2014 - será concluída e será a vez dos professores receberem as aulas - com carga horária de 120 horas por ano.
"O Pnaic é um projeto nacional firmado com todos os entes federativos. Cada um tem uma responsabilidade grande para que o processo de alfabetização seja bem sucedido. Com o plano, haverá um diálogo nacional. Ao mesmo tempo é importante que saibamos guardar as especificidades de cada localidade e que os professores possam criam em cima do material disponível", diz Regina Aparecida Marques de Souza, coordenadora do Grupo de Estudos em Letramento em Educação da Infância e do programa na Universidade Federal do Mato Grosso do Sul (UFMS).
A UFMS programou a formação dos orientadores para o período de 4 a 8 de março. São esperados 245 professores formadores que partirão para os municípios a fim de capacitar os 5.238 professores alfabetizadores da rede pública do estado. Assim como a UFMS, outras nove universidades com as quais a Agência Brasil entrou em contato estão otimistas com o pacto.
O material para a capacitação, desenvolvido pela Universidade de Pernambuco (UFPE) com a colaboração de 11 instituições de ensino superior foi elogiado pelos coordenadores do pacto. O material, no entanto está disponível apenas na versão digital. "O material só foi liberado na versão final no início de janeiro de 2013. Muito tarde para conseguir cópias impressas para as primeiras formações", diz o coordenador-geral do Pnaic na Universidade Federal do Recôncavo da Bahia (UFRB), Jaylson Teixeira. Na universidade, a formação dos primeiros 442 orientadores vai do dia 18 ao dia 22 de fevereiro. Eles serão responsável pela formação dos docentes de 155 municípios.
A Universidade Federal de Sergipe (UFS) tomou a iniciativa de complementar o material com slides e vídeos, para facilitar a absorção do conteúdo. A primeira etapa do curso de capacitação já foi realizada pela universidade do dia 28 ao dia 30 de janeiro e nos dias 5 e 6 de fevereiro, totalizando as 40 horas previstas. Para o professor e líder do Grupo de Estudo e Pesquisa em Alfabetização, Discurso e Aprendizagens (Geadas) da UFS, José Reicardo Carvalho, "a capacitação ainda está no início, estamos observando".
De acordo com o Censo Escolar de 2011 do Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep), no qual se baseia o planejamento do Pnaic, há cerca de 380 mil docentes lecionando do 1º ao 3º anos do ensino fundamental, que devem ser capacitados e receber um material desenvolvido para auxiliar no planejamento das aulas. Para cada grupo de 25 professores está previsto um orientador. O MEC estima que serão cerca de 18 mil orientadores.
O Pacto receberá investimento de R$ 3,3 bilhões em dois anos. Para incentivar a participação dos profissionais serão oferecidas bolsas de R$ 200 mensais para o professor alfabetizador; R$ 765 para o orientador de estudo; R$ 765 para o coordenador das ações do pacto nos estados, Distrito Federal e municípios; R$ 1.100 para o formador da instituição de ensino superior; R$ 1.200 para o supervisor da instituição de ensino superior; R$ 1.400 para o coordenador adjunto da instituição de ensino superior; e R$ 2.000 para o coordenador-geral da instituição de ensino superior.
Segundo o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), entre 2000 e 2010, a taxa de analfabetismo no Brasil, até os 8 anos de idade, caiu 28,2%, com variações entre os estados da federação, e alcançou, na média nacional, uma taxa de alfabetização de 84,8% das crianças. Entre as regiões, existe uma diferença na taxa de analfabetismo, a maior está no Nordeste, 25,4%, seguido do Norte, 27,3%, Centro-Oeste, 9%, Sudeste, 7,8% e Sul, 5,6%. O estado com a maior taxa de analfabetismo é Alagoas, 35%, e o com a menor é o Paraná, com 4,9%. (Edição: Tereza Barbosa)

quinta-feira, 14 de fevereiro de 2013

CASAL TAILANDÊS VENCEU A 'BEIJATONA' COM MAIS DE 58 HORAS DE BEIJO


CASAL TAILANDÊS QUEBRA RECORDE DE BEIJO MAIS LONGO
Pela segunda vez em três anos, um casal tailandês estabeleceu um novo recorde para o beijo mais longo de que se tem registro. Ekkachai e Laksana Tiranarat beijaram-se durante 58 horas, 35 minutos e 58 segundos em uma "beijatona" de Dia dos Namorados.
O novo recorde estabelecido pelo casal de Bangcoc ainda precisa ser verificado por funcionários do "Guinness, o Livro dos Recordes", mas os organizadores asseguram que o recorde anterior foi batido.
O casal, que já havia vencido a "beijatona" em 2011, ganhou o prêmio de 100 mil bahts, equivalente a cerca de 7 mil reais, e dois anéis de diamantes.
O evento teve início na terça-feira com nove casais. Os participantes não podem parar para sentar, descansar nem dormir. Eles também precisam ir ao banheiro com os lábios grudados.
O recorde do ano passado, estabelecido por dois homens tailandeses, foi de aproximadamente 50 horas. (Em.com.br)

Eu não sabia que papa podia pedir demissão. Aparentemente, Bento não será o primeiro, houve outros, há muito tempo.

Luis Fernando Verissimo nasceu em Porto Alegre , 26 de setembro de 1936 é um escritor brasileiro. Mais conhecido por suas crônicas e textos de humor, publicados diariamente em vários jornais brasileiros. 

O "Drone" é um sonho de arma. Realiza o ideal de qualquer soldado, que é o de matar inimigos sem o risco de morrer também. O "Drone" é controlado a distância, sua "tripulação" nunca sai do chão e seus ataques são guiados, imagino, por comandos parecidos com os de um videogame. Foguetes e bombas são disparados dos "Drones" com simples toques dos dedões e os resultados aparecem na tela para serem comemorados. Como nos videogames.
De certa forma, o "Drone" é a última etapa de uma evolução que vem vindo desde que a única arma de guerra era o tacape e os homens buscavam maneiras mais assépticas de se matarem. Daí inventaram a lança, o arco e flecha, a catapulta, o canhão - tudo para aumentar a distância entre os guerreiros e evitar os respingos de sangue. Com o "Drone" chega-se perto da perfeição. Já se pode liquidar inimigos da poltrona.
Mas, ao contrário dos videogames, os "Drones" matam gente, e indiscriminadamente. Hoje não se fala mais em bombardeios "cirúrgicos", talvez porque estivesse ficando muito mal para a cirurgia. Os ataques de "Drones" americanos no Afeganistão eliminam os alvos e o que estiver por perto, e crescem as estatísticas de efeitos colaterais como a morte de crianças, entre outros inocentes. Nos Estados Unidos têm havido protestos contra o uso de "Drones", mas o presidente Obama e seu novo secretário da Defesa já disseram que o aprovam. Afinal, até hoje não há caso de um avanço na tecnologia da guerra que tenha sido suspenso por motivos humanitários. Ninguém mais usou bombas nucleares depois das de Hiroshima e Nagasaki, é verdade, mas porque usá-las seria suicídio. Os "Drones", à prova de retaliação, são o exato oposto das bombas nucleares. Que, de qualquer maneira, continuam estocadas, de prontidão.
A próxima etapa da evolução pode ser a substituição de soldados por robôs. O ascetismo chegaria ao máximo e ninguém mais morreria em ação. Pelo menos do lado americano.
Papa-móvel. Eu não sabia que papa podia pedir demissão. Aparentemente, Bento não será o primeiro, houve outros, há muito tempo. Uma questão: papa aposentado continua infalível ou esta qualidade é do cargo e não do homem? A situação do novo papa pode ser parecida com a da Dilma com relação ao Lula, que mesmo afastado continua dando palpite. Guardadas, claro, as devidas proporções.

PAPA DEU UMA CABEÇADA NA PIA DO BANHEIRO, POR ISSO QUER LARGAR A BATINA

PAPA DECIDIU RENUNCIAR DEPOIS DE SE FERIR NA CABEÇA EM VIAGEM AO MÉXICO
AFP 
O papa Bento XVI tomou a inédita decisão de renunciar ao papado depois de se ferir na cabeça há um ano durante uma viagem ao México, revelou nesta quinta-feira o jornal italiano La Stampa.
A notícia do acidente noturno não foi desmentida pelo porta-voz do Vaticano, o padre Federico Lombardi, que descartou, no entanto, que o Papa tenha decidido renunciar ao seu cargo por esta razão.
Segundo o jornal, no início de sua viagem ao México e a Cuba em março do ano passado, durante o último dia em que passou na cidade de León, em 25 de março, o Papa apareceu pela manhã com manchas de sangue na cabeça.
"O Papa contou que não havia caído, mas havia dado uma cabeçada contra a pia do banheiro algumas horas antes", narraram seus colaboradores.
"Levantou-se no meio da noite e, desorientado pelo sono e por estar em um ambiente desconhecido, não encontrou o interruptor da luz e caminhou na escuridão", sustenta a mesma fonte.
O episódio não teve maiores consequências e a imprensa não foi informada nem se deu conta do ferimento, que estava coberto pela mitra.
"Nunca se queixou e não teve problemas nem dores ao colocar a mitra. O dia transcorreu tranquilamente e pela noite lhe deram medicação depois de retornar à residência das religiosas capuchinhas", contou Lombardi.
O jornal assegura que o acidente adquiriu relevância agora, depois que o jornal do Vaticano, o L'Osservatore Romano, revelou que o Papa havia tomado a decisão de renunciar após a viagem ao México e a Cuba, ao considerar estas viagens muito cansativas para sua idade.
"Vê, Santo Padre, porque sou contra estas viagens?", comentou na época seu médico particular, Patrizio Polisca, recebendo uma resposta divertida do Papa: "Também sou contra", afirma o jornal. (Portal Terra)

PREFEITO DE MANAUS IMPLANTA A POLÍTICA CULTURAL DO BARRISMO

ARTHUR PROMETE VALORIZAR ARTISTAS LOCAIS
Durante o Baile dos Artistas, evento que marca a despedida do carnaval, o Prefeito Arthur Virgílio Neto prometeu valorizar o trabalho dos artistas locais. Segundo ele, os artistas terão cachês revistos e prioridade de contratação nos eventos promovidos pela Prefeitura.
Arthur disse que novos talentos devem ser descobertos e que é inadmissível pagar uma fortuna para artistas consagrados enquanto os locais recebem menos. ¨Vamos fazer uma série de eventos onde daremos prioridade a quem é daqui. Eventualmente traremos alguém de fora, mas nossa intenção mesmo é focar nos talentos locais¨, disse. (Portal do Holanda)

THE NEW YORK TIMES CRITICA CARNAVAL DA BAHIA COMO MERCANTILISTA E DESIGUAL

CARNAVAL DE SALVADOR ESTÁ MERCANTILIZADO, DIZ CRÍTICO DO NYT
Lucas Cunha – A Tarde
O jornal norte-americano The New York Times publicou nesta quarta-feira, 13, uma matéria sobre o Carnaval de Salvador, que levou o título de "Marchando para a batida africana".
Assinada pelo crítico de música pop do NYT, Jon Pareles, o texto traz como eixo principal a criação do Afródromo, ideia de Carlinhos Brown para um desfile só com blocos afros e também aborda a questão dos blocos com cordas.
"O carnaval de Salvador está cada vez mais mercantilizado, anunciando a desigualdade de renda... Fãs pagam generosamente para dançarem juntos dentro da corda, com seu acesso garantido por um uniforme (abadá), enquanto a multidão de menos privilegiados fica apertada no espaço restante na rua e na calçada", descreve Pareles durante um dos trechos de sua reportagem.
O jornalista ouviu também algumas autoridades sobre a criação do Afródromo, entre elas, o governador da Bahia, Jaques Wagner, que admitiu que o circuito tradicional já está sobrecarregado. "Mas temos que ser muito, muito cuidadosos para não fazer as coisas parecerem com apartheid".
Entre os artistas entrevistados está o músico e ex-ministro Gilberto Gil, que define o atual momento do carnaval de Salvador como "uma questão ideológica, o social contra o privado, o corporativo contra o não-corporativo".
Pareles ainda comentou sobre a estrutura dos camarotes, especialmente aqueles situados no circuito Barra-Ondina. "Acima do tumulto da rua, os camarotes oferecem uma vista da sacada, no nível dos artistas sobre os trios elétricos - próximo o suficiente para fazer contato visual. Os termos classe alta e classe baixa podem tornar-se literais".
O texto completo (em inglês) pode ser lido aqui. ( A Tarde.)

PARTICIPE DO SEMINÁRIO DE PLANEJAMENTO E GESTÃO PARTIDÁRIA DO PDT EM BELÉM DIA 23/02

SEMINÁRIO DE PLANEJAMENTO E GESTÃO PARTIDÁRIA
Por Val-André Mutran Pereira
A Executiva Nacional do PDT e a direção estadual no Pará, através da Fundação Leonel Brizola – Alberto Pasqualini (FLB-AP), convidam os dirigentes municipais do PDT, prefeitos, vice-prefeitos e vereadores eleitos, além de todos os candidatos do partido que disputaram as últimas eleições, para participarem do Seminário de Planejamento e Gestão Partidária, que acontecerá no dia 23 de fevereiro, às 09 horas da manhã, em Belém, no Auditório “JOÃO BATISTA” na Assembléia Legislativa do Pará, Rua do Aveiro, 130 – Bairro da Cidade Velha – Belém – Para.
O tema do Seminário será “Vamos inundar o Brasil de consciências esclarecidas!” uma das célebres frases utilizadas por Leonel Brizola, quando se referia à importância da educação como instrumento de formação do cidadão e do gestor público.
Com uma programação dinâmica e focada no planejamento partidário como ferramenta política eleitoral para 2014, serão apresentadas as principais ações e práticas que o PDT adotará para o trabalho e fortalecimento das instâncias partidárias em todo o país, contemplando noções básicas de gestão partidária local, de gabinete parlamentar e noções de gestão pública municipal, através da Universidade Aberta Leonel Brizola (ULB), com o lançamento do Caderno II da Coleção Darcy Ribeiro, totalmente dirigido aos prefeitos, vice-prefeitos, vereadores e dirigentes partidários.
Os participantes receberão orientações referentes aos métodos de mobilização e organização partidária municipal, comunicação intrapartidária através da Radio Legalidade, além de definição de metas, objetivos e prazos relacionados à formação política, Núcleos de Base, seminários estaduais, encontros partidários e formação de uma associação de prefeitos e vereadores do PDT no estado do Pará.
Dúvidas:
(91) 3222-8517 e 9117-1119 – Raimundo Pinheiro (raimundopdt@bol.com.br)
(91) 3222-8517 e 8189-4176 – Edimilson Santos (edimilsonsantospdt@hotmail.com)

MANAUS: FALTA DE HIGIENE COLOCA TUCUMÃ COMO VILÃO TRANSMISSOR DE DOENÇAS


TUCUMÃ É FOCO DE DOENÇAS EM MANAUS
Apesar de nutritivo, o tucumã descascado e fatiado, colocado em pão nas lanchoentes de Manaus carrega uma dose de bactérias que pode matar. A  forma como o fruto é manipulado o transforma em um foco de doenças. Além dos pequenos insetos, a contaminação ocorre diretamente pelas mãos. Apesar do alto risco que representa o seu consumo nos "cafés da manhã" espalhados pela cidade, a fiscalização não existe.
Os descascadores do fruto estão por todos os lados - nos bairros do Parque 10 e União, por exemplo, Avenida Eduardo Ribeiro, área do mercado Adolpho Lisboa, na Manaus Moderna.  E  não enfrentam    problemas com a vigilância sanitária.
Uma "máquina" de descascar tucumã
Na área comercial do Parque 10 existem vários vendedores de  tucumã. Um deles é o comerciante Nilson de Sousa, que passa o dia  descascando sacas e mais sacas do fruto na Rua do Comércio, com as mãos sujas e descobertas.
Sem luvas adequadas o tucumã é manipulado pelos vendedores em Manaus
Tranquilo, Nilson pega em dinheiro, dá o troco para o cliente e depois volta a colocar a mão na massa. Quando chega um novo cliente, ele tira o fone do ouvido e guarda em cima da suculenta polpa.
E como não existe torneira por perto, o jeito é limpar as mãos com um pedaço de flanela encontrado no canto da mesa para atender o próximo cliente.
Numa casa pequena, localizada na Rua Conde de Anadis, do conjunto Jardim Amazonas, um jovem e duas mulheres são pagos por um empresário para descascar três sacas de tucumã, diariamente. Num lugar improvisado, Maria Zuleide, 41, senta num banquinho e na companhia de Ana Cláudia e Jorge só para quando as sacas estão vazias.
Os três empregados recebem R$ 10 por cada saca de tucumã descascado. O produto é entregue no final da tarde e distribuído em seguida nos pontos comerciais de Manaus pelo empresário de polpas de nome Augusto. (Portal do Holanda)

Dilma passa a ter obrigação de se dedicar mais à política e, assim, tentar evitar que Eduardo Campos conquiste os atuais aliados do governo.

Denise Rothenburg é Jornalista, formada pela UnB, já trabalhou na Folha de S.Paulo e em O GLOBO e agora no Correio Braziliense. 

Até aqui, 2013 vinha meio que “empurrado” pelas festas, pelo verão e pela tragédia de Santa Maria, que não para de doer no coração dos brasileiros. Agora, é hora de tentar sair da letargia, tirar a fantasia, e sem subterfúgios ou maquiagens carregadas, tocar a vida. Na política não é diferente. Lá vêm a votação do Orçamento, dos vetos, a gestão de Renan Calheiros no Senado, de Henrique Eduardo Alves na Câmara… Em meio a tudo isso, avaliações sobre os pré-candidatos a presidente da República dominam os bastidores. Em conversas reservadas, os políticos observam os efeitos da pré-candidatura de Eduardo Campos sobre o governo e o PT.
O primeiro reflexo é tirar o PT e a presidente Dilma Rousseff da chamada “zona de conforto”. Os palacianos consideram que, sem Eduardo taxiando na pista, está tudo bem. Dilma é popular, tem uma base ampla e uma oposição restrita. Portanto, não tem o que temer em relação a uma candidatura presidencial. Até porque, na avaliação dos aliados da presidente, os adversários internos e externos ainda não surgiram com força.
Mas, com Eduardo Campos na estrada, tudo muda de figura. O governador não se considera devedor de Dilma. Sob a sua ótica, foi ele quem ajudou a candidata de Lula em 2010, e não o inverso. Sendo assim, é ela quem deve a ele. Além disso, Eduardo está convicto de que hoje não tem nada a perder desfilando como potencial candidato. Afinal, nem candidato à reeleição ele será porque está no segundo mandato de governador. Ou seja, terminada a missão ali, está livre e solto para voos mais altos.
Outra história é quem está no poder e precisa de apoio para a reeleição. Daí, entram não só 15 governadores como a própria presidente Dilma. Dos 15 governadores que podem concorrer à reeleição, só dois são do PSB: Renato Casagrande (Espírito Santo) e Ricardo Coutinho (Paraíba). Nos dois estados, o PT sozinho não tem hoje tanta força para combater os socialistas. Logo, o PSB não tem muito a perder com a candidatura de Eduardo.
Enquanto isso, no PT… Continue lendo...

NA CAMPANHA ELE ERA O BOM, FAZIA E ACONTECIA, COM O PEPINO NAS MÃOS O DISCURSO MUDOU RADICALMENTE

'NÃO FUI ELEITO PARA SER MÁGICO', DISPARA ZENALDO SOBRE DRENAGEM DA CAPITAL
Prefeito diz quais serão as ações emergenciais para reduzir os alagamentos nesse período chuvoso
O Liberal - ORM
Os resultados da combinação entre a chuva forte que atingiu Belém nesta quarta-feira (13) e a maré alta foram, entre outras coisas, várias ruas alagadas e transtornos causados à população. Somente no bairro do Curió-Utinga quase 100 casas foram atingidas pelos alagamentos da água da chuva, gerando prejuízos aos moradores, segundo a Defesa Civil. Em doze horas, choveu 26% do esperado para o mês inteiro, o que equivale a 110 milímetros. A chuva de hoje alertou as autoridades da cidade para o risco que novas chuvas aliadas à falta de estrutura urbana podem apresentar.
Por isso, uma coletiva com o prefeito de Belém, Zenaldo Coutinho, e o secretário de Municipal de Saneamento, Luiz Otávio Mota, reuniu a imprensa da cidade hoje para esclarecer quais serão as ações emergenciais da nova gestão de Belém para reduzir os alagamentos nesse período mais chuvoso.
Logo nos primeiros dias de mandato a nova gestão municipal iniciou um trabalho de limpeza nas ruas e canais da capital chamado ‘Cuida Belém, cuide também’. A ação, segundo o prefeito, retirou das ruas 32 mil toneladas de entulhos em 30 dias, porém, não o foi suficiente para evitar o problema de alagamentos. Ainda de acordo com Zenaldo, a solução para o problema é a drenagem dos canais e das bacias da cidade, mas de forma emergencial, a alternativa é continuar realizando a limpeza de canais e a manutenção das comportas das bacias. Para as essas obras, R$ 30 milhões serão empregados. Continue lendo...

LEI DA MORDAÇA EM RONDÔNIA ESTÁ SENDO QUESTIONADA NO STF


PROCURADORIA-GERAL DA REPÚBLICA ACIONA STF CONTRA LEI DA MORDAÇA EM RONDÔNIA
Débora Zampier - Repórter da Agência Brasil
Brasília – A Procuradoria-Geral da República (PGR) entrou com ação no Supremo Tribunal Federal (STF) contra um dispositivo legal que impede manifestações de integrantes do Ministério Público em Rondônia, a chamada Lei da Mordaça. Assinada pela subprocuradora-geral Deborah Duprat, a ação ajuizada no dia 5 de fevereiro foi divulgada nesta quarta (13).
O objetivo da PGR é derrubar uma emenda à Constituição de Rondônia, aprovada em 2002.  Ela proíbe a manifestação pública de promotores e procuradores locais sobre processos em andamento, além de vedar comentários negativos sobre decisões judiciais. A norma permite a manifestação dos profissionais apenas nos autos do processo, assim como em estudos e obras técnicas.
Para Deborah, a nova regra fere uma das garantias da Constituição Federal, a liberdade de expressão, que é “pressuposto para o funcionamento da democracia, possibilitando o livre intercâmbio de ideias e o controle social do exercício do poder”.
A subprocuradora argumenta que cabe ao Ministério Público regulamentar sua própria atuação, autonomia garantida pelo legislador constituinte para evitar "todo tipo de pressões e interferências externas". Ela diz que a Lei Orgânica do Ministério Público em Rondônia, da década de 1990,  garante punição aos profissionais que fizerem uso indevido de informações processuais.
Deborah também critica a falta de limites claros sobre o direito de manifestação com a nova regra, o que acaba inibindo o trabalho dos profissionais. Como exemplo, ela questiona a viabilidade de profissionais trocarem impressões sobre um processo por e-mail. 
Embora a lei tenha sido aprovada há mais de uma década, a procuradora pede urgência na apreciação do fato, com a concessão de liminar para derrubar a lei. O relator do caso é o ministro Antonio Dias Toffoli. (Edição: Fábio Massalli)

DILMA CONTUNDIDA CANCELA VISITA A SERRA TALHADA


DILMA MACHUCA DEDO DO PÉ NA BAHIA
Luana Lourenço - Repórter da Agência Brasil
Brasília - A presidenta Dilma Rousseff machucou o dedão do pé direito na última sexta-feira (8) na chegada à Base Naval de Aratu, onde passou o carnaval. Por recomendação médica, Dilma vai ficar duas semanas usando uma proteção para o pé e deve ter cuidado ao andar.
A presidenta se acidentou ao descer de uma escada na chegada à Base Naval de Aratu. Em nota, o Palácio do Planalto informa que uma radiografia foi feita na terça (12) confirmou que Dilma teve uma fissura no dedão do pé direito.
Nos próximos dias, a presidenta deverá despachar no Palácio da Alvorada, segundo informações do porta-voz da Presidência da República, Thomas Traumann. A recomendação médica é que Dilma ande o mínimo possível.
Por causa  disso, a viagem da presidenta a Pernambuco na próxima segunda-feira (18) foi cancelada. Dilma iria inaugurar uma adutora no município de Serra Talhada. (Edição: Aécio Amado)

quarta-feira, 13 de fevereiro de 2013

BLOCO DA FULERAGEM NA FOLIA DA QUARTA FEIRA DE CINZAS EM SANTARÉM

O fundador do Fuleragem, o músico Marreta (de branco) e Tadeu Pinho, agente cultural - Foto Tadeu Pinho - Facebook.
RELIGIOSAMENTE O BLOCO DA FULERAGEM SAI NA QUARTA DE CINZAS EM SANTARÉM 
Nesta tarde de quarta feira de cinzas (13) de fevereiro o tradicional Bloco da Fuleragem, arrasta uma multidão pelas ruas do centro de Santarém. O bloco tem sua base formada por músicos que trabalharam durante os dias do carnaval e na quarta saem na folia.
Durante o percurso que não tem definição, o bloco sai puxado pela multidão que aos poucos vão chegando e engrossando o Fuleragem que segue pelas ruas do centro da cidade e vai dobrando esquinas, subindo ladeiras, baixando avenidas com seus foliões e brincantes.
Marreta, baterista e fundador do bloco, vem mantendo a tradição que já dura mais de 10 anos, o Fuleragem é sucesso absoluto, pois é o único bloco que sai na quarta feira de cinzas em Santarém arrastando uma multidão com sua base de metais de primeira qualidade, empolgando a multidão.  

PAPA REAPARECE E CONVOCA JOVEM BRASILEIRO AO EVANGELHO

EM 1ª APARIÇÃO APÓS RENÚNCIA, PAPA ENVIA MENSAGEM AO BRASIL
Em sua primeira aparição pública após anunciar sua renúncia, o papa Bento XVI falou a milhares de peregrinos em uma audiência geral no Vaticano nesta quarta-feira (13) e enviou uma mensagem ao Brasil. Em português, Bento XVI incentivou os jovens a terem participação mais ativa na comunidade e na Igreja. A mensagem foi enviada no momento em que o Brasil lança a Campanha da Fraternidade, que neste ano tem como tema Fraternidade e Juventude e o lema “Eis-Me Aqui, Envia-Me!”. O Brasil será sede em julho da Jornada Mundial da Juventude, que ocorre no Rio. “Convido os jovens brasileiros a buscarem sempre mais, no Evangelho de Jesus, o sentido da vida, a certeza de que é por meio da amizade com Cristo que experimentamos o que é belo e nos redime”, disse o papa. Na audiência geral, Bento XVI também leu uma mensagem aos fiéis de língua portuguesa, na qual falou sobre a Quaresma e citou os peregrinos de Porto Alegre e Curitiba. Leia mais na Agência Brasil.

FESTA DO PARAZINHO NA SAPUCAÍ SAIU DE GRAÇA, DIZ GOVERNO JATENE

Carnavalesco da Imperatriz Cachê Rodrigues - até o nome do cara deixa a gente desconfiado.
ACREDITE SE QUISER, A IMPERATRIZ LEOPOLDINENSE HOMENAGEOU O PARAZINHO DE GRAÇA
O Jornal, Diário do Pará publicou na terça feira (12/02), matéria confirmando que não houve patrocínio do Governo do Estado do Pará, à escola de samba carioca Imperatriz Leopoldinense, para ela fazer aquela festança toda em homenagem ao Parazinho. 
“Pará - O Muiraquitã do Brasil”, afirma sua diretoria de jornalismo, que saiu de graça para o Jatene e seus amigos de Belém. O Governo Jatene deu apenas apoio cultural, no sentido de fornecer informações a Escola carioca do carnavalesco de nome Cachê Rodrigues. 
O que foi constatado é que os integrantes da Escola Imperatriz Leopoldinense fizeram diversas viagens para Belém no Parazinho, afim de colherem informações culturais para que fosse assim realizado a grande festa para a Gaby Amarantos (Tecnohorivel), Dirá Paes (A Norminha) e para a Fafá (De Belém do Parazinho). 
Se você acredita em Papai Noel, Mula sem cabeça, Jurupari, Lenda do Boto e tudo mais, continue acreditando, pois é tudo realidade, verdade verdadeira. Só para lembrar, a Imperatriz Leopoldinense ano passado, ficou em 10° lugar no ranking das Escolas. 

É possível que se acabe a época de papados eurocêntricos que começou em 1978 com João Paulo II

Elio Gaspari nasceu em Nápoles, Itália em 1944, é jornalista e escritor ítalo-brasileiro - colunista do jornal Folha de S. Paulo, jornal diário de São Paulo, onde está radicado.
Tudo o que se pode esperar da escolha do sucessor de Bento 16 é o fim de um Vaticano eurocêntrico. Desde que Karol Wojtyla tornou-se João Paulo 2º a Europa é o centro das atenções da Cúria. O papa polonês cumpriu uma fenomenal missão histórica ajudando a desmontar décadas de tolerância com as ditaduras comunistas. Seu sucessor teve um pontificado medíocre enrolado pela tolerância com escândalos sexuais e financeiros de sacerdotes. Um deles passou de raspão pelo Brasil, num trambique do namorado da atriz Anne Hathaway, sócio do sobrinho do atual decano do Colégio de Cardeais, o poderoso ex-secretário de Estado Angelo Sodano. A moça micou em US$ 135 mil e o rapaz foi preso nos Estados Unidos.
As dificuldades do Vaticano com suas finanças são antigas. Foi Pio 9º quem avisou: "Posso ser infalível, mas estou falido." Já os desempenhos sexuais de alguns sacerdotes, mesmo sendo coisa antiga, tornou-se uma encrenca recente, com a qual João Paulo 2º e Bento 16 nunca conseguiram lidar direito, envenenando a missão pastoral de dioceses europeias e americanas. 
O eurocentrismo da Cúria Romana refletiu-se no Brasil. Durante o pontificado de Paulo 6º, Pindorama passou de dois para oito cardeais. Hoje tem cinco. Bento 16 deixou sem o barrete cardinalício as arquidioceses de Rio e Brasília. Porto Alegre teve cardeal e está sem. Recife, a primeira sé cardinalícia do país, está na segunda divisão desde os anos 60, quando a ditadura hostilizava d. Helder Câmara e não queria vê-lo cardeal. Se foi econômico com os barretes brasileiros, Bento 16 foi generoso aspergindo-os pela Europa. Elevou a diocese de Valência (800 mil habitantes), na Espanha, mas não confirmou o barrete de Porto Alegre (1,4 milhão de habitantes). Continue lendo...

QUEM QUISER TRABALHAR DE GRAÇA PARA A FIFA AINDA DÁ TEMPO

INSCRIÇÕES PARA O PROGRAMA BRASIL VOLUNTÁRIO TERMINAM SÁBADO
Da Agência Brasil
Brasília – O prazo de inscrições para quem quer participar do Programa Brasil Voluntário termina na próxima sábado (16). A inscrição deve ser feita no site brasilvoluntario. É preciso ter mais de 18 anos e estar disposto a contribuir com as ações de apoio à Copa das Confederações de 2013 e à Copa do Mundo de 2014, organizadas pela Federação Internacional de Futebol (Fifa).
De acordo com o Ministério do Esporte, serão selecionados inicialmente 7 mil voluntários para a Copa das Confederações, que será realizada entre os dias 15 e 30 de junho deste ano, com jogos em seis cidades: Brasília, Fortaleza, Recife, Salvador, Rio de Janeiro e Belo Horizonte. Eles vão auxiliar turistas, a população e a imprensa em áreas de grande fluxo de pessoas como aeroportos, pontos turísticos e festas públicas.
Para a Copa do Mundo de 2014, no entanto, serão necessários mais voluntários, uma vez que os jogos serão em maior número e em dez cidades. Além das capitais mencionadas, haverá jogos em Manaus, Cuiabá, São Paulo, Curitiba, Porto Alegre e Natal.
O ministério está otimista com a adesão de voluntários ao programa, pois até a semana passada mais de 31 mil pessoas tinham feito a inscrição. A maioria é formada por jovens, com perspectivas de abrir portas no mercado de trabalho, e por isso muitos detalham suas habilidades profissionais. Outros destacam, porém, a oportunidade de treinar idiomas e de ter acesso aos seus ídolos. (Edição: Graça Adjuto)

HOJE 13 DE FEVEREIRO É DIA MUNDIAL DO RÁDIO

RÁDIO ESTÁ PRESENTE EM 88% DAS RESIDÊNCIAS E NÚMERO DE EMISSORAS DOBRA EM 10 ANOS
Sabrina Craide - Repórter da Agência Brasil
Brasília - Apesar do avanço de novas mídias e da expansão do acesso à internet, o rádio continua sendo um dos principais veículos de informação dos brasileiros. Segundo a Associação Brasileira de Emissoras de Rádio e Televisão (Abert), o rádio - que comemora hoje seu dia mundial - está presente em 88,1% dos domicílios do país, perdendo apenas para a televisão, que tem penetração de cerca de 97%.
O país tem aproximadamente 9,4 mil emissoras de rádio em funcionamento, incluindo emissoras comerciais AM e FM e rádios comunitárias. O número é mais que o dobro do registrado há dez anos, segundo dados do Ministério das Comunicações. Nos estados de São Paulo e Minas Gerais estão concentrados os maiores números de emissoras, com 1,4 mil e 1,3 mil, respectivamente.
O número de aparelhos de rádio convencionais passa de 200 milhões no Brasil, além de 23,9 milhões de receptores em automóveis e do acesso por aparelhos celulares, que somam  cerca de 90 milhões. Isso sem falar no acesso às emissoras pela internet, por meio de computadores e smartphones. Aproximadamente 80% das emissoras do país já transmitem sua programação pela rede mundial de computadores.
O presidente da Abert, Daniel Slaviero, destaca que o rádio está se adaptando às novas tecnologias para disputar o mercado altamente competitivo da informação e do entretenimento. “Acreditamos no futuro do rádio, não como nossos pais e avós o conheceram, mas inovador, ágil, interativo e com a mesma importância social, eficiência comunicativa e proximidade com as comunidades e os ouvintes. Aos 90 anos, não há dúvida de que o rádio está em plena reinvenção”, avalia.
Para o ministro das Comunicações, Paulo Bernardo, o rádio faz parte da cultura dos brasileiros e não perderá espaço porque está acompanhando a evolução do setor. “Neste momento especial de transformações tecnológicas e do aparecimento de outras mídias, o rádio segue firme no nosso dia a dia porque também se transformou. Hoje é comum, corriqueiro, ouvirmos a transmissão da programação também pela internet, direto das redações das emissoras”, diz. O ministro garante que o governo trabalha para dar à radiodifusão a flexibilidade e pujança necessárias para continuar a crescer. (Edição: Graça Adjuto)

terça-feira, 12 de fevereiro de 2013

CATÓLICOS AFRICANOS E LATINOS QUEREM PETER TURKSON, SUBSTITUTO DE BENTO XVI


O FAVORITO À SUCESSÃO DO PAPA
O cardeal Peter Turkson, de Gana, seria uma escolha muito interessante.
Por Paulo Nogeuira
Este o nome do favorito das bolsas de apostas londrinas para a sucessão de Bento 16.
Turkson, 64 anos, africano de Gana, seria a melhor escolha, aparentemente.
Não por ser o primeiro papa negro, embora isso possa, é claro, ter valor simbólico. Mas pela causa que mais está associada a ele: a justiça social.
Turkson, responsável pelo departamento de Justiça e Paz do Vaticano, foi o cardeal por trás de um documento no qual a Igreja Católica criticou fortemente o modelo econômico e social que conduziu o mundo à iniquidade extrema que se verifica hoje.
No documento, de 2011, o Vaticano clama por ações concretas em busca de paz e segurança, desarmamento e controle de armas, promoção dos direitos humanos fundamentais e preservação do meio ambiente.
O documento sublinha também “uma distribuição justa da riqueza mundial”.
A agenda não poderia ser mais adequada, e mais difícil por mexer com tantos interesses poderosos.
Bento 16, que aprovou o documento, não teria evidentemente forças, aos 83 anos, para transformá-lo em ações concretas.
O cardeal Turkson parece ter o vigor de um atleta, e para os padrões papais é um jovem.
Tem, acima de tudo, a visão certa. Nada é mais importante no mundo moderno que desfazer a vergonhosa desigualdade que dividiu a humanidade entre o 1% e os 99%.
O Diário torce por ele. (Diário do Centro do Mundo)

Ali, o Vaticano diz que os que não acatam a "verdade" como interpretada pela Igreja Católica estão em apuros teológicos.

Hélio Schwartsman, é articulista do jornal Folha de São Paulo. Bacharel em filosofia, publicou "Aquilae Titicans - O Segredo de Avicena - Uma Aventura no Afeganistão" em 2001.

SÃO PAULO - Bento 16 vai se aposentar. Embora eu não partilhe de praticamente nenhuma de suas posições conservadoras, admiro seus dotes intelectuais. Joseph Ratzinger pode ser descrito como um pensador fino que não teme ir aonde suas ideias o levam, como o atestam as polêmicas em que se envolveu.
O tom de seu pontificado começou a ser dado antes mesmo de ele ser sagrado papa, quando, na condição de prefeito da Congregação para a Doutrina da Fé (o novo nome da velha Inquisição), participou ativamente da elaboração da epístola "Dominus Iesus" (2000). Ali, o Vaticano diz que os que não acatam a "verdade" como interpretada pela Igreja Católica estão em apuros teológicos. "Dominus Iesus" coloca a questão de forma até diplomática, pois admite a possibilidade de graça para os não católicos, ainda que "objetivamente" menor do que para o católico.
Se quisermos, essa carta é a versão "light" do "Extra Ecclesiam nulla salus" (fora da Igreja não há salvação), do papa Bonifácio 8º (1294-1303).
É difícil comprar essa tese. Ela bate de frente contra o que considero um dos mais convincentes argumentos antirreligiosos, que é o do pluralismo. Para onde quer que olhemos no mapa, encontraremos uma "verdade religiosa" diferente. Qual o critério para decidir qual é, de fato, a verdadeira? Por que o catolicismo seria melhor que o calvinismo? No que eles superariam o judaísmo e o islamismo? E o que haveria de errado com Zeus e o panteão olímpico ou com os deuses nórdicos, que já foram providencialmente enterrados por todos? Nós, ateus, estamos apenas um deus à frente dos demais.
Parece mais razoável compreender os diversos sistemas de crença religiosa como manifestações diferentes da mesma predisposição humana, que pode ter base biológica (como acredito) ou divina (como pensa a maioria). Mesmo que Deus exista, é difícil conceber que ele tenha criado só uma fé certa e dezenas de erradas.

IMPERATRIZ LEVA PARAZINHO PARA AVENIDA - CARRO DE ALTER DO CHÃO NÃO TINHA NENHUM SANTARENO

IMPERATRIZ ENCANTA SAPUCAÍ COM O PARÁ 
Escola de Ramos canta as belezas do estado em 31 alas e 3.200 foliões
A Imperatriz Leopoldinense foi a penúltima agremiação a desfilar na segunda noite de carnaval das escolas do grupo especial do Rio de Janeiro. Já era mais de 2h da manhã quando os primeiros integrantes pisaram na passarela do samba, na Marquês de Sapucaí. Com o enredo "Pará - o Muiraquitã do Brasil", a escola tradicional da comunidade de Ramos quer o quarto título homenageando o Estado do Pará e suas tradições. Personalidades conhecidas como atriz Dira Paes, a Lucimar da novela "Salve Jorge"; a cantora Gaby Amarantos, que se projetou nacionalmente nos últimos meses, foram destaques no desfile. Segundo o carnavalesco Cahê Rodrigues, desenvolver o enredo sobre o Pará foi muito fácil em função da beleza, da riqueza, tradição e culinária. "O Pará é um estado riquíssimo e com as bênçãos de Nossa Senhora de Nazaré vamos fazer um bom carnaval", disse. A rainha da bateria, a atriz Cris Vianna, estava muito emocionada e chorou ao falar sobre o desfile e o luxo do carnaval da Imperatriz.
O desfile da Imperatriz levou centenas de paraenses para acompanhar o carnaval no Rio de Janeiro. Muitos fãs da cantora Gaby Amarantos cantaram o sucesso da novela Cheia de Charme - "Ex-My Love". Outro que falou sobre o desfile foi o cantor Elimar Santos, que desfilou usando a fantasia de sacerdote do Círio de Nazaré. A cantora Gaby Amarantos estava muito ansiosa e nervosa. "A expectativa é muito grande para ver a escola desfilar. Dá frio na barriga", disse. A cantora desfilou no penúltimo carro denominado de "Tecnoshow" pela diretoria da escola. O começo do desfile empolgou o sambódromo. Tinha até uma aniversariante e uma vendedora de tacacá que convidou todo mundo para conhecer o Estado e provar o famosa bebida paraense.
As fantasias destacaram o Índio do Marajó com Cerâmica, Castanheiro da Amazônia, Os Barões da Borracha, Vendedores do Mercado Popular, O Saíré e Tem Festa do Boto. O samba-enredo foi interpretado na avenida por Dominguinhos do Estácio, outro apaixonado confesso pela culinária paraense. A expectativa para quem acompanhou o desfile pela televisão (Rede Globo/TV Liberal) em Belém era grande. O "Treme" que faz a alegria dos frequentadores das festas de aparelhagens foi mostrado na Sapucaí pela cantora gaby Amarantos, que também foi destaque da alegoria. A Imperatriz desfilou em 31 alas e 3.200 componentes. (Amazônia - ORM)
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...