sábado, 27 de abril de 2013

Von compra briga de empresários concorrentes e ferra outros que não tem nada a ver com a confusão

COMERCIANTE USA PREFEITO PARA PERSEGUIR CONCORRENTE – Mais de 20 denuncias chegaram até o Espalha Brasa esta semana, sobre a briga do empresário de nome ‘Alberto’, dono da Supermix e o outro de nome ‘Nonato’ dono da loja Santarém Importados. A história é o seguinte: O dono da Supermix que é presidente da Associação Comercial de Santarém, usou em benefício próprio, a instituição para exigir que o prefeito Alexandre Von, mandasse notificar o empresário dono da Santarém Importados, que é um sucesso na cidade, enquanto a Supermix não vive seus melhores dias. A notificação era para que a Santarém Importados recolhesse da exposição dos clientes, todos os seus produtos expostos na frente da loja. O prefeito, para maquiar a investida que seria só contra o dono da Santarém Importados, mandou notificar mais uns 20 comerciantes a pedido formal do dono da Supermix... veja só a patifaria – um pequeno comerciante da Travessa dos Mártires nos disse hoje: “MANDA UM AVISO LÁ NO ESPALHA BRASA PARA O VON, QUE NÓS NÃO TEMOS NADA A VER COM A BRIGA DELES...”- Ta avisado! Outro comerciante disse: "DO JEITO QUE ESTÁ INDO, QUEM VAI TERMINAR ESSE GOVERNO VAI SER A IRMÃ DO LIRA MAIA, QUE ESSE AÍ, JÁ ERA!" - Bom; fizemos a nossa parte em mostrar o clamor de gente que está pagando pela briga dos outros. 

Futuro conconrrente de Dilma, o governador Eduardo Campos PE, dá um chega pra lá em Aécio Néves

O Governador (PE) e candidato a presidente (PSB), reagindo à declaração (“Bem-vindo à oposição!”) do candidato do PSDB ao Planalto, senador Aécio Neves (MG), sobre o programa de TV do PSB.
(Coluna do Ilimar Franco - O Globo 27/04)

A lei das domésticas rasgou o véu. O Estado doravante vai ter que devolver em serviços os impostos pagos.

Rosiska Darcy de Oliveira é carioca, pesidente-executiva do Rio como Vamos, escritora e jornalista.
Chegou ao Brasil um problema que, na Europa, velho de meio século, em nosso país só as empregadas domésticas enfrentavam: como viver sem empregada, esse personagem que, dentro de casa, serve de amortecedor às tensões entre homens e mulheres confrontados às exigências do cotidiano de uma família.
Quem faz o quê na infinidade de pequenos gestos do dia a dia? Nem um nem outro. A resposta é simples: a empregada, a babá, a cuidadora. Por vezes as três tarefas em uma mesma pessoa. Baixos salários, jornadas infindáveis, condições de alojamento deploráveis, essa sequela da escravidão exigia uma abolição. A lei é bem-vinda. Abre uma dinâmica de transformação da sociedade que ainda não está visível em toda a sua profundidade e cujos desdobramentos vão muito além dos muros da casa. Vai interpelar, para além do orçamento das famílias, as contas públicas e a organização do tempo nas empresas.
Mulheres pobres conhecem bem os malabarismos que fazem para criar seus filhos quando a oferta de creches públicas é ridícula em relação à demanda e a escola de tempo integral uma promessa sempre adiada. Jovens pelas ruas são vitimas e herdeiros de um país em que suas mães foram invisíveis e impotentes. A elas não se dava resposta, apenas o conselho de que não tivessem filhos, embora cuidassem dos filhos dos outros. São elas a maior parcela da mão de obra feminina e de mulheres chefes de família.
A classe média resolvia o seu problema delegando-lhes as tarefas que, sem elas, recairiam — e vão recair — sobre as mulheres com carreiras em construção. Nossa cultura, até aqui, isentou os homens desse tipo de atividade dita subalterna. É essa classe média, cada vez mais numerosa e influente, que tem voz e é capaz de defender seus interesses, que vai colocar no debate público as relações entre o mundo do trabalho e o da família no momento em que o emprego doméstico muda de estatuto. Continue lendo...

MANAUS AM: NA BALA ASSALTANTES LEVAM R$ 30 MIL QUE SERIA PARA PAGAR SALÁRIOS


ASSALTANTES ROUBAM MALOTE DE R$ 30 MIL DE EMPRESÁRIO
Na ação criminosa, o motorista do carro onde estava o malote roubado foi atingido com quatro tiros, mas passa bem no hospital.
ACRITICA.COM
Assaltantes roubam malote contendo R$30 mil de empresário e efetuam quatro tiros em seu motorista durante ação criminosa. O roubo aconteceu no bairro Cachoeirinha, Zona Sul de Manaus, no início da tarde desta sexta-feira (26), e já está sendo investigado pelo delegado Mariolino Brito, do 1º Distrito Integrado de Polícia (DIP).
Carlos Eduardo dos Santos, 33, foi alvejado na mão e no braço e foi levado ao Hospital 28 de Agosto por seu patrão e também vítima, Johnny Carlos de Oliveira. Carlos Eduardo encontra-se em observação.
A ação
Após efetuar um saque de R$ 30 mil, destinado a pagamento de funcionários, no banco Bradesco da Avenida Boulevard Álvaro Maia, na Zona Sul, Johnny e seu motorista se dirigiram em um Corolla bege, placa JWV-7135, para a empresa JB Industrial, na Rua Santa Isabel, na Cachoeirinha, quando por volta de 14h foram fechados por um veículo da marca S10 preto, placa JXP-9378.
Segundo André Anderson, funcionário da empresa e testemunha do ocorrido, o veículo era ocupado por quatro pessoas. Um deles saltou do carro armado com uma pistola .380 e efetuou quatro disparos contra o vidro do Corolla, atingindo o motorista. O homem abriu a porta e exigiu que o malote fosse entregue.
Durante a ação, a S10 partiu em disparada, e, com o dinheiro já em mãos, o assaltante subiu na garupa de uma moto vermelha que estacionou em frente à empresa, logo após o outro veículo com seus comparsas ir embora. Antes de partir, o homem ainda disparou mais duas vezes contra o Corolla.
Policiais da 1º Companhia Interativa comunitária (Cicom) foram os primeiros a chegarem à cena do crime, que já está sendo investigado pelo 1º DIP. Segundo o delegado Brito, duas equipes estão atrás dos bandidos e já há pistas não divulgadas sobre seu paradeiro. (A Crítica)

BRASILEIRO BEM PERTO DA DIREÇÃO GERAL DA OMC

BRASILEIRO ESTÁ NA FASE FINAL DA DISPUTA AO CARGO DE DIRETOR-GERAL DA OMC, CONFIRMA ITAMARATY
Renata Giraldi - Repórter da Agência Brasil
Brasília – O Ministério das Relações Exteriores, Itamaraty, confirmou nesta sexta (26) que o embaixador brasileiro Roberto Carvalho de Azevêdo, de 55 anos, irá para a etapa final da eleição para o cargo de diretor-geral da Organização Mundial do Comércio (OMC). Azevêdo concorre com o candidato do México, Herminio Blanco. A decisão final é esperada para o dia 29 de maio. O novo diretor-geral da OMC tomará posse em 31 de agosto, substituindo o francês Pascal Lamy.
Azevêdo ocupa desde 2008 o cargo de representante permanente do Brasil na OMC. Herminio Blanco é economista e ex-ministro de Comércio e Indústria do México. Independentemente do eleito, será a primeira vez que o órgão será comandado por um latino-americano.
Na eleição da OMC, cada um dos 159 países que integram o órgão vota no nome de sua preferência. A escolha é feita em três etapas. Inicialmente, todos os candidatos concorrem. Para a segunda etapa, encerrada ontem (25), ficaram cinco candidatos e, agora são dois na disputa final. Continue lendo...

sexta-feira, 26 de abril de 2013

Leia a Coluna da Vera Magalhães, está ótima

Vera Magalhães, 39, é repórter especial da Folha em São Paulo. É jornalista de política desde 1993. Foi repórter da coluna Painel em Brasília e editora do caderno "Poder".

Linha diretaO governador de Pernambuco, Eduardo Campos (PSB), telefonou ontem para o senador Aécio Neves (PSDB-MG) para dar apoio à sua ideia de apresentar proposta de emenda constitucional acabando com a reeleição e instituindo mandatos de cinco anos para ocupantes de cargos no Executivo. Os dois potenciais candidatos à Presidência concordaram que a mudança seria o início de uma boa reforma política'', mas não trataram de detalhes de como será encaminhada. 
Carência -  Campos disse ao tucano que externava sua opinião pessoal, mas que vai levar a discussão ao partido. Para o pessebista, a mudança, se aprovada agora, deveria valer a partir de 2018.
Salve geral - De Aécio, sobre o fato de parte do PSDB comemorar o projeto que restringe tempo de TV e fundo partidário a novas siglas: "Se tem gente no partido com essa visão, está errado. O que está em jogo é a democracia".
Reação - De um aliado de Dilma Rousseff sobre o programa de TV do PSB, que bateu na tecla do desequilíbrio federativo: "Eduardo é candidato a presidente da Frente Nacional de Prefeitos?".
Fina estampa - Petistas notaram que o marqueteiro Edinho Barbosa explorou a "fotogenia'' do governador de Pernambuco, com repetidos closes nos olhos azuis.
Chefe - Prefeitos petistas de São Bernardo, Santo André, Guarulhos, Osasco e São José dos Campos encurtaram o expediente para se reunir com Lula ontem, das 15h às 17h, na sede do seu instituto, em São Paulo. Falaram sobre sucessão no PT paulista e estratégia eleitoral para 2014.
Pacificador - Agora candidato único à presidência do PSDB-SP, Duarte Nogueira negocia a indicação de um deputado estadual como vice em sua chapa. O favorito é Cauê Macris. Diretor da Imprensa Oficial, Marcos Monteiro deve ser o tesoureiro.
E aí? Interessado no projeto que restringe acesso de novas siglas a tempo de TV e fundo partidário, o Planalto incentivou os aliados no Congresso a reagirem à liminar de Gilmar Mendes que suspendeu a votação do texto.
Chamada oral - Em conversa com Michel Temer, Ideli Salvatti (Relações Institucionais) disse ter estranhado o baixo quórum para votar a urgência do texto no Senado.
Estica... Antes de decidir o recurso via agravo regimental, governistas cogitaram buscar entendimento com ministros do Supremo para submeter a liminar de Mendes ao pleno da corte.
... e puxa Vice-presidente da Câmara, André Vargas (PT-PR) criticou o ministro: "Ele [Mendes] não pode mergulhar no debate político da Câmara. Foi uma movimentação política e não jurídica".
Histórico - Pivô da nova polêmica da Câmara com o STF, Nazareno Fonteles (PT-PI) propôs no ano passado a exoneração de Roberto Gurgel antes do término do mandato em razão de sua atuação na Operação Vegas, da PF.
Azarão - Além de Luiz Fachin, ministros do STF apostam que Eugênio Aragão pode surpreender na reta final da corrida pela vaga de Ayres Britto na corte. Subprocurador da República, Aragão é visto no Planalto como o "anti-Gurgel", que denunciou petistas no mensalão.
Sempre ele - Eleito com 499 votos para ocupar vaga do Ministério Público Federal no Conselho Nacional da categoria, Vladimir Aras será submetido a sabatina no Senado sob forte pressão. Aliados do procurador o informaram que sua indicação pode ser barrada, pois parlamentares o associam a Gurgel.
com FÁBIO ZAMBELLI e ANDRÉIA SADI
tiroteio 
"É a Fifa mostrando sua cara. Não se preocupa com nenhum povo. Chega, enche o bolso e vai embora. Valcke devia dar as mãos a Marin."
DO DEPUTADO ROMÁRIO FARIA (PSB-RJ) sobre o secretário-geral da entidade ter dito que o "excesso de democracia" atrapalha a organização da Copa no Brasil.
contraponto
O que passou, passou
Durante inspeção ao estádio Anacleto Campanela, em São Caetano do Sul, no início do ano, Aldo Rebelo foi abordado por jornalistas. Alheios ao fato de a arena estar na lista de possíveis escolhidas pela Fifa para centros de treinamento da Copa, queriam saber a opinião do ministro sobre os problemas deixados pela gestão municipal na manutenção de praças esportivas.
O titular da pasta do Esporte, tentando escapar da bola dividida, respondeu, evocando passagem bíblica:
--Prefiro olhar para o futuro para não correr o risco de virar uma estátua de sal.

ATIRADOR DO SHOPPING PARAÍSO FEZ PROMESSA PARA HOJE SEXTA (26)

TIROTEIO NO SHOPPING – A promessa do jovem David Jenner Rocha, de promover uma matança no Shopping Paraíso em Santarém seria nesta noite de sexta (26) quando estréia o filme Homem de Ferro III. David disse que entraria pelo estacionamento dos fundos que dá para a rua Presidente Vargas, que iria usar o elevador que fica próximo a entrada, disse que estaria com uma carabina média 5.5mm e duas pistolas 3.8 e que o alvo dele seria as pessoas que supostamente estariam na praça de alimentação. Após ser preso e prestar depoimento, o rapaz foi liberado, e está sem coleira eletrônica de monitoramento, sem escolta, livre, leve e solto - segundo o blogueiro JK, nossa função é deixar aqui um recado a população, e um alerta para os responsáveis pela segurança do Shopping Paraíso, pois como diz o ditado popular: "o seguro morreu de velho" tá meu santinho! VEJA AQUI A PROMESSA MALUCA

POR QUE TODO GOVERNO RUIM NO PARÁ APELA PARA ARNOLD SCHWARZENEGGER?

PARECE MENTIRA, MAS A GENTE JÁ VIU ESSE FILME
É incrível, mas verdadeiro, estamos assistindo ao vivo on line, a repetição de um episódio político que já ocorreu na história do Pará, os aspectos são os mesmos, apesar de mudar os personagens e o tempo da história, mas as semelhanças são fortes.
A Governadora Ana Júlia Carepa PT, em 2009, após começar um governo tosco e totalmente abestalhado, apelou para a ecologia no intuito de salvar sua péssima atuação frente o Governo do Pará - foi até Copenhague na Dinamarca no Estado Kobenhavn para se encontrar com o brutamonte Arnold Schwarzenegger.
Lá em portas fechadas com o atorentão Governador da Califórnia, assinaram um 'Protocolo de Cooperação' onde ficou acertado que o governo do Pará iria se utilizar de tecnologias já desenvolvidas pelo estado americano nos últimos anos, na área ambiental, foi uma farra da Ana Júlia não tinha Facebook na época, mas a notícia pipocou nos blogs e jornais.
Agora para nossa surpresa, o prefeito de Santarém Alexandre Von, que está na mesma situação da Ana Júlia, na cidade, perdendo credibilidade, brigando com aliados, aparece igualzinho a petista, na foto acima dá para ver - apertando a mão do mesmo ator americano, com a mesma conversa fiada da dama vermelha do PT, o tal do baixo carbono. 
Essa cooperação entre Schwarzenegger os políticos em rota de fracasso em seus governos, nessa altura do campeonato, deixa bem claro de que a história pode se repetir, mesmo que em esferas diferentes, caso a Ana no governo do Pará e o Von no comando de Santarém.
Só para lembrar, que essa palhaçada de "baixo carbono" é tudo mentira, que essa cooperação nunca existiu, pois a floresta continua sendo derrubada sem que nada tenha sido feito - resumindo, não passa de uma tentativa de marketing para tentar enganar abestado que pode então se iludir de que eles estão empenhados e trabalhando.
O que tem de certo nisso, é que parece que estamos voltando a história de fracasso de um governo que entrou cantando de galo e está a cada dia que passa definhando diante inclusive de pessoas que acreditaram em seu potencial, mas que agora não acreditam mais.
Veja aqui a história passada da Ana Júlia Carepa PT e recente de Alexandre Von PSDB

Polícia caça ladrão que levou uma mochilada de remédios do PSM em Santarém

GANHAÇÃO NO PSM – A roubalheira está tão descarada em Santarém que nem o Pronto Socorro Municipal escapou da ladroagem - O chefe do PSM, Sr. Cleiton, fez uma denuncia na Polícia Civil esta semana, afirmando que na segunda (22), foi surrupiado uma mochilada de remédios do ambulatório do PSM – Ao apertar o responsável pelo setor de medicamentos, o Sr. Rego, o técnico nem piscou, entregou de primeira um outro técnico de enfermagem de nome ‘Danilo’ -  O lance foi o seguinte:  o acusado entrou na surdina, aproveitando a ausência do Chefe do setor que deveria estar gazeteando, abasteceu uma mochila de bolso fundo e vazou da área – A polícia agora vai ouvir o bonitinho e agir na forma da lei... Esse governo Alexandre Von ta uma esculhambação dos diabos, égua do governozinho abestalhado da peste! 

A presença de parlamentares condenados no "mensalão" mostra o tamanho da ousadia: os sentenciados se reúnem após o julgamento para validar ou não a decisão do juiz.

Maria Osmarina Marina Silva Vaz de Lima nasceu em Rio Branco no Acre, 8 de fevereiro de 1958, é ambientalista, historiadora, pedagoga e política brasileira.
A gestão clientelista do Estado está levando o Brasil a uma crise institucional. Os vícios derivados do fisiologismo, antigos e arraigados na política, foram exagerados nos últimos anos a ponto de prejudicar o coração da República.
O Congresso Nacional, especialmente a Câmara dos Deputados, arrisca-se a institucionalizar uma ocupação perversa da chamada "máquina pública" para beneficiar aliados e perseguir adversários.
O prejuízo na identidade do parlamento é evidente: o lugar de resistência histórica contra o autoritarismo sendo usado como base de operações patrimonialistas de quem se acha dono de tudo e quer ser dono do resto. A atual legislatura tem pouco tempo para evitar ser caracterizada como a legislatura do retrocesso, dedicada a destruir os avanços institucionais que ali mesmo foram construídos desde a redemocratização e a Constituinte.
Começando pelos mais indefesos, que não tem "bancada", foram acolhidas várias iniciativas para desmontar a legislação que protegia o patrimônio ambiental e as comunidades indígenas e tradicionais. Em seguida, tudo o que constitui direito comum passou a ser alvo de desregulamentação.
Assim, chegamos ao que vem sendo chamado de "novo pacote de abril", em referência a um triste episódio da ditadura militar. Ensaia-se uma completa regressão política e institucional. Continue lendo...

ROMÁRIO CRITICA PELÉ POR NÃO TER IDO NO ENTERRO DA FILHA E DIZ QUE O REI É UM BOÇAL


APÓS SER 'PERDOADO' POR PELÉ, ROMÁRIO REBATE: 'É UM BOÇAL'
Deputado federal ironizou as frases de Pelé sobre o que seria a base ideal da seleção brasileira, questionou a religiosidade do Rei e sua relação com a filha
Veja On Line
O bate-boca entre Pelé e Romário deve ganhar novos capítulos nos próximos dias. Depois de ser questionado sobre as críticas que o deputado federal havia dirigido a ele, Pelé afirmou que, por ser religioso, agiria como Jesus Cristo e perdoaria os ignorantes.
Na noite desta quinta-feira, o Baixinho respondeu com um contra-ataque pelo Twitter, sem poupar a relação do Atleta do Século com a filha Sandra, reconhecida pelo pai apenas após decisão judicial em 1996. "Pelé rebateu minha famosa frase: ‘Pelé calado é um poeta’. Comumente usada, afinal, ele vive dando deixa. A última besteira que ele disse foi que a base do Corinthians deveria ser a base da seleção. Pediu, né?", indagou o ex-jogador e hoje parlamentar, nas redes sociais.
Romário, então, resolveu destrinchar as declarações de Pelé sobre "perdoar os ignorantes" com base em sua formação religiosa. O deputado federal disparou contra o desempenho do Brasil no 2 a 2 com o Chile, afirmando que a base corintiana pedida pelo Rei teria sido usada – ainda que apenas Ralf e Paulinho tenham começado como titulares, enquanto Alexandre Pato entrou no segundo tempo.
"A base do time que ele sugeriu para a seleção tomou ontem a maior vaia de sua história. Merecidamente, porque eles não jogaram nada", disse Romário, para depois atacar a vida pessoal de Pelé: "Ele disse que é muito católico. Acho que não é tão católico quanto afirma, porque se fosse, teria assumido a filha e ido ao enterro dela. Além de poeta, também é um boçal", disparou. (Veja com agência Gazeta Press)

quinta-feira, 25 de abril de 2013

TUCANO VAI ACABAR COM A REELEIÇÃO - MANDATO DE CINCO ANOS E ZÉ FINI


AÉCIO APRESENTARÁ PROJETO QUE ACABA COM A REELEIÇÃO
Débora Bergamasco e João Bosco Rabello
O senador e pré-candidato à Presidência da República Aécio Neves (PSDB-MG) está elaborando um projeto para propor no Senado que vai polemizar e alterar o atual cenário político: ele quer extinguir a possibilidade de reeleição presidencial, de governadores e prefeitos e ampliar de quatro para cinco anos os mandatos de todos os novos eleitos, aplicando, desde já, a regra que poderia afetar a si mesmo caso eleito. Sua ideia é que, uma vez aprovada, a regra passe a valer já para os vencedores do pleito de 2014, impondo ajustes aos mandatos atuais de senadores e deputados, ampliando-os para forçar a coincidência nas eleições seguintes e fixando-os nos mesmos cinco anos estabelecidos para Presidente da República. Aécio ainda matura o projeto, mas não esconde a convicção de que os quatro anos previstos na legislação vigente são insuficientes para uma gestão minimamente eficiente de um País ou Estado. A reeleição, por sua vez, condiciona a segunda metade do mandato à campanha eleitoral, submetendo o governo e, por extensão, a população, a uma gestão distanciada dos reais interesses do País. Ele chama de soluções bienais a falta de coincidência das eleições que considera nefasta para a administração pública. Com frequência, classifica de “loucura” eleições de dois em dois anos. Leia mais no (Estadão)

'Durma com um barulho desses', como diz o master do Rota 5 Antônio Júnior

LADRÕES NA EDUCAÇÃO – Saiu em primeira mão no Blog do Xaropinho que passou recente em Santarém, a nova secretaria de logística da Secretaria de Educação do Estado do Pará, a veneno de jararaca: Lucilene Farinha (A Poderosa Lene do Jatene) - foi recebida pela Vice Prefeita e irmã do Lira Maia; a Dona Maria José – A Lene do Jatene foi curta e grossa ao falar das reformas das escolas estaduais que nunca aconteceram, ao abrir o verbo, Lene do Jatene disparou: “o ex da Educação Nilson Pinto e o ex-secretário de logística, conhecido por Waldo Márcio eram ladrões”... putamerda! Mas que de agora em diante o Governo Jatene era outro, pois os mãos ligeiras já haviam sido mandado embora e com ela o buraco era mais embaixo... "Durma com um barulho desses" como diz o Antônio Júnior do Rota "5".

FINAL DOS TEMPOS: PASTOR PROCESSA GAY - Silas Malafaia pretende processar Jean Wyllys por calúnia

O PASTOR SILAS MALAFAIA VAI PROCESSAR O DEPUTADO JEAN WYLLYS (PSOL-RJ) - por “denunciação caluniosa”. informação publicada pela colunista Mônica Bergamo, do Jornal Folha de SP, mostra que o parlamentar lhe atribui uma afirmação que na verdade foi publicada em um perfil falso no Facebook que leva o seu nome. No suposto perfil falso, o pastor teria postado uma foto de Jean Wyllys com declarações favoráveis à pedofilia, que jamais foram dadas pelo parlamentar. O post levou Wyllys a denunciar o pastor ao Ministério Público. Em reposta, Malafaia afirma que irá processá-lo por calúnia... Briga de pastor contra guey termina com as penas da lei...kkkkkkk

Guru do Von se defende, e diz que não acabou com a floresta de Paragominas

Resposta do Sidney Rosa o 'Guru' do prefeito de Santarém Alexandre Von, respondendo a pergunta do Perfil Transparência Paragominas no Facebook que questionou: Me explique secretário: porque acabou a madeira em Paragominas? Os madeireiros tiraram tudo errado e os planos de manejo eram de fachada? E porque não plantaram? E disse mais: “nossa empresa por exemplo no próximo ano de 2014 já pode licenciar no mesmo projeto que fizemos em 1989, que 25 anos depois apresenta alto potencial Madeireiro, isso que ocorre em Paragominas onde o desmatamento zerou e estamos intensificando com tecnologia o aproveitamento a área antropizada e buscando pelo manejo pra Madeira e outros produtos da floresta para que a mesma fique em pé com um sentido econômico e que tenha quem cuide dela, assim ocorre em Paragominas e estamos disseminando para outros municípios dentro do potencial de cada um. Abraço do Sidney
(Perfil do Sidney no Facebook)

Para se ter uma idiea do bom negócio de Brown, em parceria com uma empresa de marketing, ele pretende fabricar 190 milhões de unidades da Caxirola. E empurrar o chocalho para a gringalhada e até para brasileiros nos dias de jogos da Copa, até aí beleza.

Nelson Vinencci é músico e compositor escreve a coluna Oriximiná no Jornal O Impacto, além de ser articulista do Blog do espalha Brasa.
Conheço desde molequinho o Caxixi que é instrumento tipo um chocalho, feito de cipó trançado com semente de tinquim dentro, que a gente balança nas batucadas e até nos berimbaus são usados presos a cabaça na parte inferior do arco. 
Nas minhas noites em 10 anos tocando nos bares da vida, percussionistas utilizam o Caxixi como instrumento obrigatório na base percussiva, o Guilherme Taré que o diga, pois é um percussionista que conheço, que adora utilizá-lo nas nuances das melodias.  
Vendo a tevê, uma festa do Carlinhos Brown no Palácio do Planalto, o músico baiano apresentou para a presidente Dilma Rousseff  a porra desse tal “CAXIROLA”, quando vi, percebi logo que é uma cópia pirata do Caxixi, mixado para vender na Copa de 2014. 
Veja só, o Caxixi é africano, que nem aquela corneta horrível  a tal de Vuvuzela, e a ideia do Brown, é pegar esse filão e vender para os que vão assistir nos estádios brasileiros os jogos da copa, o tal Caxirola a banda de lata e faturar milhões. 
Para se ter uma idiea do bom negócio de Brown, em parceria com uma empresa de marketing, ele pretende fabricar 190 milhões de unidades da Caxirola. E empurrar o chocalho para a gringalhada e até para brasileiros nos dias de jogos da Copa, até aí beleza. 
Nada contra a boa ideia do Carlinhos Brown, afinal ele não recebeu nenhum centavo dos cofres públicos para piratear o Caxixi, apenas uma carta de recomendação da Dilma para arrecadar patrocínio para seu projeto que é legal, mas questionável. 
Será que não tem no Brasil ninguém capaz de criar um instrumento musical, como fez o Luiz Gonzaga, introduzindo o triangulo do vendedor de cascalho no baião? O Carlinhos Brown que sou fã, não seria capaz disso, ao invés de piratear o Caxixi? 
O que me conforta é que são 96 projetos de divulgação da Copa 2014, entre eles está o do Carlinhos Brown, mas sinceramente falando, a ideia de fazer um caqueado, meter uma tinta enganosa, maquiar o Caxixi e chama-lo de Caxirola é ridículo, me desculpe o Brown. 
Era melhor ter assumido mesmo o Caxixi como instrumento da Copa que seria mais original e certamente aprovado, essa nome afrescalhado de Caxirola, parece com baitola, boiola, sei lá, soa meio pejorativamente e penso que não vai dar certo. 
Igual essa outra aberração, o tatu bolinha que não sei quem foi o iluminado, resolveu dar o culhudo nome de “Fuleco”. Veja se você consegue distinguir alguma diferença entre Caxixi e Caxirola

Putitanga! Todo mundo invocado, o Von ta perseguindo comerciantes


COMERCIANTES PERSEGUIDOS PELO VON - Recebemos 15, reclamações sobre uma notificação da Seinfra (Governo Von) que está chegando nas lojas do centro de Santarém, sobre retirar mercadorias penduradas no alto das fachadas das lojas para desobstruir as vias para a passagem de pedestres, inclusive os toldos que são colocados para dar comodidade aos clientes, devido o sol e chuva, agora estão proibidos pelo Governo Von - Um comerciante da Trav dos Mártires disse: "Esse Gordo pensa que nossos clientes tem asas, isso é falta do que fazer, com tanta coisa urgente para melhorar na cidade, a saúde, a educação que ele piorou, esse prefeito preguiçoso só quer fazer capa..."  
Recebemos outras reclamações, comerciantes se queixando que as vendas estão fracas, por culpa do Von que demitiu metade dos funcionários da prefeitura, então os comerciantes dizem que isso afetou muito as vendas, agora outro golpe do Von: "Rapaz o Jatene mandou fazer terrorismo fiscal em dezembro, agora vem esse Gordo tentando quebrar de vez o comércio de Santarém, o salário dele está garantido, o nosso a gente tem que correr atrás." Nos disse outro comerciante que afirmou não retirar do teto da loja dele seus produtos, porque os pedestres não voam. 

Pirateiro gaiato mostra a bunda para a polícia

PIRATEIRO MOSTRA A BUNDA PARA A PM - o palhaço de nome Cleber, pirateirozinho gaiato, agarrado com 437 DVDs no centro de Santarém, após ser grampeado pelos homens do Coronel Antenor, arreou a calça e mostrou a bunda cheia de ‘curuba’ para os policiais – no mínimo deve ter levado umas tacas para respeitar autoridade policial... mas como no Brasil tudo é na base da impunidade, prestou depoimento e voltou para a boca para pegar mais CD e DVD e retornar para o mesmo canto para vender... assim é ralado!

A PORRADA CONTINUA - COUTO QUER QUE O SENADO MOSTRE SE JADER DECLAROU SER DONO DA TV E RÁDIO TAPAJÓS

SENADOR PEDE QUE BENS DE JADER BARBALHO SEJAM INVESTIGADOS
O senador Mário Couto (PSDB-PA) comunicou ao Plenário, nesta quarta-feira (24), a apresentação de requerimento para que a Mesa do Senado preste esclarecimentos sobre a declaração de bens apresentada pelo senador Jader Barbalho (PMDB-PA) por ocasião de sua posse em 2011. A intenção de apresentar o requerimento já havia sido anunciada na tarde da última terça-feira (23) pelo senador.
A dúvida do senador é sobre a declaração ou não de uma emissora de TV supostamente comprada por Jader em 2001, a TV Tapajós. O caso foi divulgado no ano passado, pela Revista Veja. Segundo a reportagem, Jader fez a compra do Sistema Tapajós de Comunicação, uma retransmissora da Rede Globo em Santarém, no valor de R$ 20 milhões, através de um contrato que ficou engavetado por dez anos, sem que o mesmo fosse registrado na Junta Comercial do Estado.
Apenas após a morte do seu sócio, o ex-cabo eleitoral Joaquim da Costa Pereira, quando foi aberto o inventário, para não perder o seu patrimônio, em 2011, Barbalho fez o registro na Junta Comercial do Pará e juntou o documento ao processo. O caso é tão nebuloso, que ele fez questão de manter a sua participação no negócio em sigilo, escondendo, inclusive da Receita Federal, do Congresso Nacional e da Justiça Eleitoral.
"Estou entrando com requerimento baseado no que preceitua o Regimento Interno, para que a Mesa esclareça a este requerente se consta na relação de bens apresentada ao Senado Federal pelo senador Jader Barbalho, quando de sua posse para o mandato em exercício, a Rádio e TV Tapajós, que, hoje, consta como sendo de sua propriedade. Quero saber, meu querido presidente, se o Senador a fez constar quando jurou ser leal a este Senado, quando jurou ser leal à Constituição, foi realmente leal, quero saber!", disse o senador. (Amazônia – ORM)

BRIGA DE PODERES - MINISTROS REAGEM COM CRÍTICAS SOBRE A APROVAÇÃO DA PEC 33


STF CRITICA PEC QUE REDUZ SEU PODER DE CORTE CONSTITUCIONAL
Marco Aurélio: "proposta ressoa como retaliação"
Por Luiz Orlando Carneiro - Jornal do Brasil
Dois ministros do Supremo Tribunal Federal criticaram severamente a proposta de emenda constitucional (PEC 33) - cuja admissibilidade foi aprovada, nesta quarta-feira, pela Comissão de Constituição e Justiça da Câmara dos Deputados – que tem por objetivo limitar o poder do Supremo Tribunal Federal de dar a última palavra sobre a inconstitucionalidade de emendas constitucionais.
Marco Aurélio acha que, “a essa altura, na quadra vivenciada, a proposta ressoa como uma retaliação”, e não acredita que o Congresso venha a aprová-la. Gilmar Mendes ressaltou que “na nossa memória constitucional isso evoca coisas tenebrosas”, citando a Constituição de 1937 (“a polaca”), com base na qual o Congresso e, logo depois, o próprio presidente da República podiam cassar decisões do Supremo.
A ementa da PEC que terá ainda de ser votada pelos plenários da Câmara dos Deputados e do Senado – e só aprovada se tiver 3/5 dos votos em cada Casa – tem a seguinte ementa: “Altera a quantidade mínima de votos de membros de tribunais para declaração de inconstitucionalidade de leis; condiciona o efeito vinculante de súmulas aprovadas pelo Supremo Tribunal Federal à aprovação pelo Poder Legislativo, e submete ao Congresso Nacional a decisão sobre a inconstitucionalidade de emendas à Constituição”.
No caso do STF, para que uma emenda constitucional viesse a ser declarada inconstitucional pelo plenário, seriam necessários nove votos dos 11 integrantes da Corte, e não oito votos como é atualmente.
CCJ DA CÂMARA APROVA PEC QUE REDUZ PODERES DO STF
Críticas dos ministros
Os ministros Marco Aurélio e Gilmar Mendes foram ouvidos pelos repórteres pouco antes do início da sessão plenária do STF desta quarta-feira.
“O órgão de cúpula, o guarda da Constituição é o Supremo. Essa proposta implica o afastamento de uma cláusula pétrea, que é a separação e a harmonia dos poderes da República. No contexto, a essa altura, na quadra vivenciada, isso ressoa inclusive como uma retaliação. Não acredito que as duas casas do Congresso brasileiro assim se pronunciem (a favor da PEC)”, afirmou Marco Aurélio.
À pergunta de se a PEC seria uma represália à decisão majoritária do STF na ação penal do mensalão, o ministro respondeu: “Quando o Supremo vota atendendo aos anseios da maioria, muito bom. Mas ele tem também um histórico de decisões contramajoritárias. Nesse caso não, porque a sociedade aplaudiu o julgamento da AP 470. Agora, não há espaço para essa submissão das decisões do Supremo a um órgão político”, concluiu.
Sobre o aumento do quroum para a declaração de inconstitucionalidade, no entanto, Marco Aurélio explicou que seria possível “cogitar-se de um outro quorum especial”. Mas não deixou de fazer um comentário jocoso no sentido de que se poderia chegar até à “utopia da unanimidade”, e citou Nelson Rodrigues, segundo o qual “toda unanimidade é burra”.
Já o ministro Gilmar Mendes lembrou que essa questão “já se arrasta há muito tempo no constitucionalismo mundial”, e que já está superado.
“Na nossa memória constitucional isso evoca coisas tenebrosas. Nós temos o precedente da Constituição de 1937, chamada de polaca, com base na qual o presidente da República – antes era o Congresso - acabou tendo o poder de cassar decisões do Supremo, e de confirmar a constitucionalidade de leis declaradas inconstitucionais. Acredito que não é um bom precedente, a câmara vai acabar rejeitando isso”, afirmou.
A PEC
O deputado federal Nazareno Fonteles (PT-PI), autor da PEC 33, na exposição de motivos que enviou a seus pares, destacou, entre outros pontos, os seguintes pontos:
“O Poder Judiciário vem deslocando boa parte do debate de questões relevantes do Legislativo para o Judiciário. Disso são exemplos a questão das ações afirmativas baseadas em cotas raciais, a questão das células tronco e tantas outras.
As decisões proferidas nesses casos carecerão de legitimidade democrática porque não passaram pelo exame do Congresso Nacional. Estamos, de fato, diante de um risco para a legitimidade democrática em nosso país”.
“Há muito o STF deixou de ser um legislador negativo, e passou a ser um legislador positivo. E diga-se, sem legitimidade eleitoral. O certo é que o Supremo vem se tornando um superlegislativo”
“É bastante comum ouvirmos a afirmação de que à Suprema Corte cabe a última palavra sobre a Constituição, ou ainda, a Constituição é o que o Supremo diz que ela é. Na verdade, deve caber ao povo dizer o que é a Constituição”.
“Precisamos, pois, resgatar o valor da representação política, da soberania popular e da dignidade da lei aprovada pelos representantes legítimos do povo, ameaçadas pela postura ativista do Judiciário. Restabelecer o equilíbrio entre os Poderes é, pois, o objetivo central da presente proposição”. (Jornal do Brasil)

ROBERTO CARLOS CENSURA LIVRO SOBRE OS ANOS 60 QUE CONTA CERTAS INTIMIDADES DELE

ROBERTO CARLOS PEDE RETIRADA DE LIVRO SOBRE OS ANOS 60
Portal da Tarde
Um livro sobre a construção da cultura no Brasil dos anos 60. A moda, os diálogos, a família, a influência dos artistas no desenho da nova adolescência. Seu título: Jovem Guarda: Moda, Música e Juventude. A autora: Maíra Zimmermann, historiadora e professora de moda que conseguiu publicar o que era originalmente sua tese de mestrado, feita com subsídios da Fapesp. A contracapa traz um texto da cantora Wanderléa: "Parabéns, Maíra! Seu maravilhoso trabalho traz muitos elementos pertinentes da trajetória desse tempo tão rico em contradições, transformações e encantamento".
Cinco dias depois do lançamento, uma notificação emitida pelo advogado Marco Antonio Bezerra Campos, que representa Roberto Carlos, chegou a suas mãos. "Verificou-se que o referido livro relata a história da Jovem Guarda que, conforme a própria apresentação do livro dispõe, foi liderado por Roberto Carlos, Erasmo e Wanderléa". Segue: "Por conta disso é que o livro traz uma série de situações que envolvem o notificante e traz detalhes sobre a trajetória de sua vida e de sua intimidade". Ao final, grifa: "Sendo assim, cumpre seja cessada a comercialização do referido livro, bem como ordenado o recolhimento dos exemplares à disposição, no prazo de 10 dias, sob pena das medidas judiciais cabíveis."
A obra de Maíra, enviada por ela à reportagem, não é uma biografia nem não cita detalhes da vida íntima de seus principais personagens abordados: Roberto, Erasmo e Wanderléa, que apresentavam o Programa Jovem Guarda, na TV Record, entre os anos de 1965 e 1967. Uma imagem do trio aparece caricaturizada na capa. "Meu foco é a construção da cultura nos anos de 1960. Fala da Jovem Guarda como movimento de transformação de costumes. Não há menção à vida íntima dos artistas." Continue lendo...

quarta-feira, 24 de abril de 2013

Na dúvida, Felipão deve preferir os jogadores que atuam no Brasil, para cativar o torcedor na Copa

Eduardo Gonçalves de Andrade, apelidado de (Tostão) é ex-jogador, campeão mundial na Copa de 1970, médico e escritor crítico literato. 
O Bayern, em casa, em um ritmo alucinante e com talento, anulou e goleou o Barcelona, por 4 a 0. Em vez de recuar e de fechar os espaços na defesa, como fazem quase todas as equipes que enfrentam o Barcelona, o Bayern marcou por pressão e manteve o time catalão longe de seu gol. Dois gols foram ilegais, o que não diminui a superioridade da equipe alemã. O Barcelona mostrou novamente suas deficiências.
Talvez a melhor solução para o Brasil ganhar a Copa do Mundo, em casa, ainda mais que há seleções melhores que a nossa, será repetir o ritmo alucinante e a marcação por pressão, sem deixar o adversário pensar e trocar passes, como fizeram o São Paulo, contra o Atlético-MG, e o Palmeiras, contra o Libertad, faz o Galo, no Independência, e fez o Bayern, contra o Barcelona.
Para isso, é necessário criar fortes laços afetivos entre a torcida e os atletas. Felipão terá uma dura tarefa. Ele vai esticar a corda para um lado, e Marin, para o outro.
Marcar por pressão e tentar sufocar o outro time, pelo menos em parte do jogo, é cada dia mais comum na Europa. Evidentemente, cada país tem suas particularidades. Não é também novidade.
Nos anos 1960, quando jogava contra Grêmio e Inter, em Porto Alegre, raramente, recebia uma bola livre. A Holanda, no Mundial de 1974, o Milan, com o treinador Arrigo Sacchi, no fim dos anos 1980, e o Barcelona atual, em seus melhores momentos, são alguns exemplos de grandes times que marcam muito bem por pressão. 
Continue lendo...

Após ser caluniado por um site bancado por Von, o vereador Silvio Neto se defende

O Jornal eletrônico Estado Net, aliado do prefeito de Santarém Alexandre Von, acusou o Bar e Restaurante Boteco do Sorriso, de propriedade do vereador Silvio Neto PSD, de não possuir Alvará de funcionamento, após o vereador criticar a inércia da SEMMA - Secretaria Municipal de Meio Ambiente na tribuna da Câmara - nesta quarta (24) o vereador mostrou com exclusividade ao blog do JK o documento e reafirmou o que antes já havia dito: o governo Von está perseguindo cidadãos santarenos, através de seus secretários incompetentes, de maneira covarde.
(Blog do JK)

Putitanga! O prefeito Von desautoriza o Conselho de Trânsito de Santarém e veta o aumento da passagem de ônibus

 VON DESAUTORIZA CONSELHO DE TRÂNSITO –  Após a UES União dos Estudantes de Santarém, pipocar a informação na terça (23), de que o Conselho de Transito do Município, se reuniu na calada da noite e decidiu pelo aumento da passagem para R$ 2,20 e estudante que pagava R$ 0,65 iria pagar R$ 1,10, o Prefeito Von o 'BOM' acordou! O Espalha Brasa deu em primeira mão e logo se espalhou pelas redes sociais, virou o assunto do dia na imprensa local, quando foi neste finzinho de manhã desta quarta (24) o Prefeito após bocejar e dar aquela espreguiçada legal, mandou essa nota, leia o que escreveu o prefeito Von

NOTA DE ESCLARECIMENTO (TARIFA DE ÔNIBUS)
O Prefeito Municipal de Santarém Alexandre Von vem a público esclarecer que em momento algum analisou e muito menos autorizou o aumento da tarifa do transporte coletivo urbano.
Esclarece, também, que a manifestação do Conselho Municipal de Transporte não reflete a posição do Prefeito Municipal que, oportunamente, avaliará a planilha de custos considerada, o recolhimento de ISS por parte das empresas do transporte coletivo urbano, a modernização da frota de ônibus e outros fatores que devam ser considerados antes de tomar qualquer decisão que implique na alteração da tarifa do transporte coletivo urbano em Santarém.

Alexandre Von PSDB
Prefeito de Santarém

Até que enfim uma notícia boa - cabra bom de trabalho é assim...

CABRA BOM DE TRABALHO –  O Dep Estadual Nélio Aguiar PMD pediu ao governador Simão Jatene, a urgentíssima necessidade de se asfaltar a segunda etapa da Rodovia PA 370 no trecho entre Curuá-Una em Santarém até o município de Uruará-Pará... Na verdade Nélio está coberto de razão, o Governo do Estado tem que terminar a PA 370, uma via de grande fluxo turístico, porta de entrada que liga o Brasil a esta região... Vumbora Jatene te limpa com os tapajônicos rapaz... né?

O PMDB já tem as assinaturas necessárias - vem aí a CPI do Detran

CPI CUIARANA O DONO DO DETRAN - A bancada do PMDB na Assembléia Legislativa do Pará se articula para instalar a CPI da Corrupção no Detran. De sete deputados peemedebistas, recebeu a adesão dos oito deputados da bancada do PT e do líder do PSol, Edmilson Rodrigues, somando 16 assinaturas, duas além do número necessário, conforme determina o regimento interno da casa – diz o Jornal Barbalheano Diário do Pará... se abrirem a caixa preta do Detran é que nem escancarar a porta do inferno, o que vai aparecer de diabinho, capeta e satanás... ai meu santinho!

Zezo mata a cobra e mostra o pau e a cobra



UES/ SANTARÉM
ESSE AUMENTO NÃO VAI PASSAR!!!
23/04/2013

Na última segunda - feira (dia 22/04) o Conselho Municipal de Transporte reuniu-se na surdina e aprovou  o aumento no preço da passagem de ônibus em Santarém para C$ 2,20. Um valor incompatível com a qualidade do serviço. Um verdadeiro assalto ao bolso da população! Cabe agora ao Prefeito de Santarém, Alexandre Von, decidir se aumenta ou não a tarifa.
Ao que tudo indica o Governo Von deverá fixar a tarifa integral em R$ 2,20 e a tarifa dos estudantes em R$ 1,10, [Os estudantes que hoje pagam R$0,65 nos ônibus passarão a pagar quase o dobro!]
Não podemos aceitar esse aumento abusivo. Por isso, a UES convida a toda a população de Santarém, os estudantes universitários e secundaristas, trabalhadore, movimentos sociais para marcharem rumo à Prefeitura e dizer ao Prefeito que NÃO vamos aceitar esse aumento.
PARTICIPE desse ato de cidadania. A concentração será às 8h no Parque da Cidade, de onde caminharemos até o prédio da Prefeitura. (UES/ SANTARÉM)

APÓS JADER MOSTRAR TRAQUINAGEM DE COUTO NO DETRAN, O TUCANO VIRA PORRADA PRA CIMA DO PEEMEDEBISTA

TUCANO DENUNCIA QUE BARBALHO ESCONDE SER DONO DA TV TAPAJÓS E PEDE CADEIA DE "PODEROSOS" QUE ROUBARAM A SUDAM
Thiago Vilarins - Da Sucursal de Brasília
O senador Mário Couto (PSDB-PA) exigiu ontem esclarecimentos à Mesa Diretora sobre a declaração de bens apresentada pelo senador Jader Barbalho (PMDB-PA). Segundo a denúncia de Couto, que pediu punição aos "poderosos" que desviaram recursos da Superintendência de Desenvolvimento da Amazônia (Sudam), Jader comprou, em 2001, participação em uma emissora de televisão em Santarém, a TV Tapajós, que não consta em seu patrimônio declarado. "É essa explicação da Mesa que eu desejo. Quero saber por que a TV Tapajós pertence a um senador da República, mas em seu patrimônio isso não consta há mais de dez anos. Onde está o Fisco, que está sendo enganado? Onde está o Senado, que está sendo enganado?", indagou.
"Quero saber por que a TV Tapajós pertence a um senador da República, mas em seu patrimônio isso não consta há mais de dez anos."
O tucano lembrou que a denúncia também foi apresentada pela ex-senadora paraense Marinor Brito (PSOL) ao Ministério Público Federal, mas salientou que a Mesa deve se pronunciar a respeito por se tratar de questão envolvendo senador no exercício do mandato. Continue lendo...

A PALAVRA DE ORDEM DA DILMA É A "DESONERAÇÃO DA FOLHA"

DESONERAÇÃO DA FOLHA DE PAGAMENTO É FORMA DE MANTER O NÍVEL DE EMPREGO, DIZ DILMA
Heloisa Cristaldo - Repórter da Agência Brasil
Brasília – A presidenta Dilma Rousseff defendeu, na noite de desta terça (23), a desoneração da folha de pagamento de diversos setores da economia como a forma encontrada pelo governo federal de manter o nível de emprego no país. A declaração ocorreu durante o discurso de abertura do 2º Encontro dos Municípios com o Desenvolvimento Sustentável – Desafios dos Novos Governantes Locais, promovido pela Frente Nacional de Prefeitos (FNP).
“Porque nós precisamos, sem demitir ninguém, ter o custo da mão de obra mais barato e a forma de reduzir o preço da mão de obra é reduzir a folha de pagamento das empresas. Nós hoje somos um país que tem um dos menores índices de desemprego no mundo,  5,7%. Esse menor nível de desemprego permite também que nós tenhamos um mercado pujante, uma demanda imensa sobre o setor de serviços e permite também que nós tenhamos junto o controle da inflação”, disse a presidenta.
Até agora, o governo federal beneficiou 42 setores da economia com a desoneração da folha de pagamento. No último dia 5 de abril, foram desonerados 14 setores, entre eles transporte rodoviário de carga, metroferroviário de passageiros, transporte ferroviário de carga, transporte de navegação de travessia, gestão de cargas e descargas de contêineres e prestação de serviços, que serão beneficiados a partir do dia 1º de janeiro de 2014. Continue lendo...

terça-feira, 23 de abril de 2013

Outro cocô de tucano, agora ferrando os estudantes - assim é ralado!

MAIS COCÔ DE TUCANO – Alexandre Von o ‘BOM’, acabou de aumentar a passagem do Ônibus - Ai meu santinho! Amanhã o Gordo enfrenta a primeira manifestação de estudantes que deve acontecer na Prefeitura de Santarém - a concentração será no parque da cidade com caminhada até a prefeitura. A passagem foi para R$ 2,20, os estudantes que pagavam R$ 0,65 vão ter que escalar agora R$ 1,10... logo o Von que prometeu melhorar tudo... só conversa fiada!

Outra desavença no Parazinho - funcionários do Detran revoltados com a bandalheira na instituição entram em greve

CAGADA NO PARAZINHO – Mostra o DOL (Diário On Line) nesta tarde de terça (23), que: "Revoltados com as denúncias de corrupção no Departamento de Trânsito do Estado (Detran) e insatisfeitos com as atuais condições de trabalho, os servidores do órgão, que suspenderam as atividades desde sexta-feira (18), anunciaram greve por tempo indeterminado a partir da próxima quinta-feira (25)"... Putitanga! É o seguinte já ta na hora de mandar esses tucanos pras cucuias, já fizeram muita merda!

Como Paris não tem um Feliciano, o povo vai as ruas protestar contra o casamento gay

EM PARIS NÃO TEM FELICIANO – Domingo (20) milhares de parisienses marcharam pelas ruas chiques da capital, agitando bandeiras e protestando contra uma lei, que foi aprovada hoje terça (23), que permiti o casamento Gay e adoção de crianças por pessoas do mesmo sexo, casadas ou não, se vivem juntas, vão estar prontas para a adoção – Olha a merda!!! A gente pensa em Paris e desconfia que só tem baitola por lá, mas não é verdade, o povo está botando no toco contra essa porra dessa lei... falta pra eles um Feliciano né!

Professores da rede municipal foram até o MP caçar conversa

PROFESSORES NO MP – Nesta manhã de terça (23), professores da rede municipal santarena, numa gritaria dos diabos, foram bater na porta do MP em busca de uma resposta sobre aquela ação civil pública ajuizada no fim do ano de 2012, quando o PT demitiu centenas de professores temporários – bom, para encurtar a conversa, o MP através do Promotor Túlio Novaes, disse que o caso está nas mãos do juiz, que deve ou não, decidir se o Von chama ou não imediatamente os concursados - por enquanto o MP aguarda a decisão do Juiz... saíram cantando conversa de pobres coitados, pelas ruas de Santarém, mas logo bateu a fome e eles se mandaram atrás do pirão sagrado... putz! 

LEWANDOWSKI DIZ: "PRA QUE PRESSA PARA CONCLUIR O JULGAMENTO DO MENSALÃO?"


NÃO SE PODE TER ‘PRESSA’ PARA CONCLUIR AÇÃO DO MENSALÃO, DIZ LEWANDOWSKI
Mariana Oliveira, G1
O presidente em exercício do Supremo Tribunal Federal (STF), Ricardo Lewandowski, afirmou nesta terça-feira (23), após sessão do Conselho Nacional de Justiça (CNJ), que não se pode ter “pressa” para concluir o processo do mensalão. Lewandowski está no lugar de Joaquim Barbosa, que viajou para os Estados Unidos, onde participa de uma palestra sobre a legislação brasileira na Universidade de Princeton, em Nova Jersey. Ao ser perguntado sobre o julgamento de todos os recursos e se a conclusão do processo poderia ocorrer até o fim do ano, Lewandowski disse não ser possível “fazer uma previsão em termos de prazo”. Barbosa já disse esperar concluir tudo até 1º de julho. “São procedimentos relativamente demorados. E nós temos que garantir não apenas, segundo dispõe a Constituição Federal do Brasil, o mais amplo direito de defesa, que é um princípio universal. Portanto não devemos ter pressa nesse aspecto. Aliás não vejo por quê. Não há nenhum prescrição em vista. Então deixemos que o processo flua normalmente. É a minha perspectiva, o meu sentimento”, disse Lewandowski. Leia mais no G1.

Aldo Queiroz diz que falta convencimento ao movimento dos gatos pingados da Ufopa

O Professor Aldo Queiroz, vice reitor da Ufopa, nesta manhã de terça (23), sobre a baderna cometida por um grupo de professores da Universidade Federal do Oeste do Pará, no prédio que fica  na Mendonça Furtado dependências do Amazônia Boulevard, na tentativa de impedir que outros professores conseguissem entrar nas salas de aulas para trabalharem. 
(Fonte: Valdir Ribeiro)

PARA O DESESPERO TOTAL DOS TUCANOS - LULA AGORA É COLUNISTA DE ECONOMIA INTERNACIONAL DO NEW YORK TIMES

Lula, posando com Michael Greenspon, diretor-geral do serviço de notícias do New York Times.
LULA ASSUME COLUNA DE ECONOMIA INTERNACIONAL NO NEW YORK TIMES
Foi nesta segunda (21), nos Estados Unidos, que Lula, se reuniu com Michael Greenspon, diretor-geral do serviço de notícias do New York Times. Eles fecharam contrato para uma coluna mensal do ex-presidente, que será distribuída pela agência do New York Times. A coluna tratará de política e economia internacional, e de iniciativas para o combate à fome e à miséria no mundo.
Todo primeiro dia útil do mês um dos maiores jornais do planeta deve publicar a coluna de Lula, que ainda não tem nome, mas em breve deve haver um lançamento oficial sacramentando o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, como o mais novo articulista do New York Times. (Foto: Ricardo Stuckert/Instituto Lula - Fonte: Luiz Fernando Juncal Gomes do perfil no Facebook)

As Micros e Pequenas empresas precisam de garantias e em nosso sistema tributário não existem essas garantias procedimentais.

Admilton Almeida é consultor tributário, empresário, diretor do Jornal O Impacto de Santarém Pará.

O governo criou a Secretaria com status de Ministério da Micro e Pequena Empresa com a finalidade de incentivar a exportação e o desenvolvimento da economia e das empresas vinculadas. Esperamos que estenda os benefícios à redução dos encargos e tributos, uma vez que esses encargos prejudicam o crescimento das empresas, quando incluem os custos tributários no custo da produção. As normas devem ser claras e em conjunto com os Estados. O Estado do Pará não visa o crescimento dessas empresas, quando não acompanha o limite do simples nacional. O Governo Federal estipulou o valor como limite R$ 3.600,000, 00 e o Estado do Pará mantêm R$ 1.800.000,00 como limite. Não existe crescimento se o Estado do Pará não acompanha o limite do Governo Federal, forçando as empresas a serem excluídas do Simples Estadual para gerar maior arrecadação do ICMS.
Não existe crescimento com procedimentos diferenciados entre os estados e União. Não adianta crescer as receitas na esfera da União se o Estado estagna o seu limite forçando as empresas a serem excluídas do Simples Estadual visando apenas arrecadação. E em alguns casos, exigindo diferencial de alíquota e substituição tributária. Continue lendo...

Hoje tem lambança de professor e tristeza das nossas crianças que ficarão sem estudar


É HOJE A FIRULA – Nesta terça chuvosa em Santarém, os professores da rede municipal de ensino ameaçam parar. Entre outras reivindicações está a forma de como o Governo Von vem conduzindo a educação no município, “uma merda!” e o Simão Jatene, que nem se fala, só conversa fiada, a Educação no estado está outra porcaria  – a paralisação é uma onda nacional de três dias que os daqui aproveitaram e pegaram para surfar também - os alunos que levem o farelo que nem governo e nem professor estão preocupados, cada um quer se dar bem e o povo que se lasque... putitanga!  

CORONEL NUNES SE DEFENDE E DIZ QUE NÃO LARGA A FPF NEM PELO CACETE


PRESIDENTE DA FPF REFUTA ACUSAÇÕES E DIZ QUE SAI CANDIDATO À REELEIÇÃO
Alan Bordallo - Da redação do Amazônia
Depois de uma onda de ataques à Federação Paraense de Futebol (FPF), o presidente da entidade, Antonio Carlos Nunes de Lima, quebrou o silêncio e concedeu uma entrevista exclusiva aos jornais Amazônia e O LIBERAL na tarde de ontem. Na conversa ele aborda, e refuta, as denúncias feitas pelo senador Mário Couto à FPF. Ele também mostrou à reportagem os documentos do contrato e dos convênios firmados com braços governamentais como a Secretaria de Estado de Esporte e Lazer (Seel), Funtelpa e Banpará.
Nunes relembrou o início do apoio do Governo do Estado ao futebol paraense, proposto por ele ao então governador Almir Gabriel, com o objetivo de buscar auxílio para o deslocamento e hospedagem de delegações visitantes - tópico que motivou uma das denúncias de apropriação indevida do dinheiro público. "Nunca se teve notícia de que eu tivesse desviado verba pública ou usado esse dinheiro em benefício próprio", disse.
Ele garantiu que vai enviar à Assembleia Legislativa do Estado do Pará (Alepa) ainda nesta semana toda a prestação de contas de convênios e contratos com o Governo, bem como os balancetes da Federação. "Nunca tivemos uma conta rejeitada. Mas se a Alepa quiser fiscalizar os clubes, aí já não sei o que vai acontecer", disse.
Nunes aproveitou a entrevista para antecipar que não vai deixar o cargo e anunciou que irá se candidatar no próximo pleito, que acontecerá no segundo semestre.
Como o senhor recebeu as denúncias vindas do senador Mário Couto sobre sua gestão à frente da FPF?
Pergunto: por que só agora? Por que não antes? Esse apoio que Governo do Pará dá ao futebol paraense saiu de um projeto elaborado por mim, iniciado no governo Almir Gabriel. Fui levado à presença do governador através do deputado estadual Adenauer Góes. O governador conversou conosco, gostou do projeto e disse que ajudaria o futebol dali para frente. Pedíamos o apoio para deslocamento das viagens das delegações visitantes, compras de passagens e hospedagem. E ele (Gabriel) me disse: "Olha, Nunes, eu não dou dinheiro para os clubes porque se der eles vão contratar pernas de pau". Palavras dele. "Só repasso dinheiro para a federação pagar as despesas". Assim foi feito. Daí para frente veio o governo Simão Jatene, depois Ana Júlia, e novamente Simão Jatene. Todos mantiveram (o apoio). Continue lendo...
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...