sábado, 23 de março de 2013

SE A ELEIÇÃO FOSSE POR ESSES DIAS, DILMA HUMILHARIA OS ADVERSÁRIOS


PESQUISA QUENTINHA DO DATAFOLHA
FOLHA DE S.PAULO - DE SÃO PAULO 
A presidente Dilma Rousseff lidera a mais nova pesquisa Datafolha de intenções de voto para a Presidência da República. Se a eleição fosse hoje, a petista teria 58%, seguida pela ex-senadora Marina Silva (Rede), com 16%.
Logo atrás estão o senador Aécio Neves (PSDB-MG), com 10%, e o governador de Pernambuco, Eduardo Campos (PSB), que aparece com 6% das intenções de voto. Neste cenário, 6% declararam voto nulo ou em branco, e 3% disseram não saber em quem votar.
Na pesquisa anterior, realizada em dezembro do ano passado, Dilma tinha 54%, Marina aparecia com 18%, Aécio, 12%, e Campos, 4%.
A pesquisa foi realizada entre os dias 20 e 21 de março e ouviu 2.653 pessoas. A margem de erro é de dois pontos percentuais para mais ou para menos. (LEANDRO COLON)

A presidente Dilma está com tudo: 63% de aprovação em todo o país, sendo que 85% no Nordeste. Nem Fernando Henrique, nem Lula chegaram a seus pés. Nem ela mesma antes.

Zuenir Carlos Ventura nasceu em Além na Paraíba, é jornalista e escritor e colunista do jornal O Globo e da Revista Época. 
É recordista de si própria. E, se não bastasse, foi aprovada também no Vaticano. Foi lá, conversou com o Santo Padre, riram juntos, fez piada tirando sarro com os hermanos ("o Papa é argentino, mas Deus é brasileiro"), ouviu a promessa de que ele vem ao Rio, enfim, ficaram íntimos (gostaria de saber em que língua). Só não se pode dizer que ela teve 100% de aprovação porque não ganhou beijinho no rosto, como a rival Cristina ganhara na antevéspera. Em compensação, recebeu um conselho muito especial: que "seja forte, mas com ternura". Intencionalmente ou não, o Papa acabou fazendo uma homenagem àquele seu famoso conterrâneo, o Che revolucionário que recomendava ser preciso "endurecer, mas sem perder a ternura jamais".
Mais impressionante do que os números é o crescimento da aprovação, que era de 62% em dezembro, data da última pesquisa, da mesma maneira que o estilo de governar passou de 78% para 79%, e o índice de confiança, de 73% para 75%. Como explicar essa consagração em alta num período tão pouco favorável ao governo? O PIB caiu, a inflação ameaça, as filas dos hospitais aumentam, a faxina ética na administração ficou na promessa e até a natureza conspira contra, expondo a reedição de tragédias como as da Região Serrana fluminense, para as quais a presidente propôs "medidas drásticas", não contra as áreas de risco, mas "contra os que insistem em ficar nas áreas de risco", como se houvesse outra opção. Continue lendo...

NANDO REIS ABANDONA SHOW EM PORTO ALEGRE APÓS PASSAR MAL


CANTOR NANDO REIS PASSA MAL E ABANDONA SHOW EM PORTO ALEGRE
Do G1 RS
O cantor Nando Reis passou mal e interrompeu um show que fazia no Bar Opinião, em Porto Alegre, na noite desta sexta-feira (22). Segundo a assessoria de imprensa do Opinião, o músico sofreu um problema estomacal. Ele faria também uma apresentação à meia-noite, que foi desmarcada.
Ele chegou a ser atendido em frente ao Bar Opinião, e foi para o hotel descansar. Não houve a necessidade de internação hospitalar.
Nando Reis tocará na capital gaúcha domingo (24) no Pepsi On Stage, em sessão única. O show de Nando Reis faz parte da turnê "Sei", do seu último álbum. O cantor comemora também 30 anos de carreira. (G1 – RS)

TSE ENQUADRA DIRETOR DO GOOGLE POR DESOBEDIÊNCIA ELEITORAL


TSE MANTÉM PUNIÇÃO A DIRETOR DA GOOGLE BRASIL POR DESOBEDIÊNCIA
Da Agência Brasil
Brasília – O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) manteve ação coercitiva e registro de crime contra o diretor-geral do Google Brasil, Edmundo Luiz Pinto Balthazar. Ele é acusado de desobedecer ordem da Justiça Eleitoral da Paraíba que ordenou, em setembro do ano passado, a retirada de um vídeo do Youtube que ofendia o candidato à prefeitura de Campina Grande, Romero Rodrigues (PSDB).
O Tribunal Eleitoral da Paraíba determinou a retirada do vídeo no prazo de 24 horas, o que não ocorreu. O diretor do Google alegou que não teve a intenção de descumprir a ordem e que a decisão judicial viola a liberdade de expressão e de informação.
Para o TSE, o executivo desrespeitou ordem legítima de autoridade competente da Justiça Eleitoral. “Essa conduta reveste-se de considerável gravidade, pois demonstra o dolo do paciente, o representante da empresa, de permanecer indiferente a comando exarado pelo Poder Judiciário, o que configura, em tese, crime de desobediência eleitoral”, declarou a relatora, ministra Nancy Andrighi.
A ministra disse ainda que Edmundo Balthazar, na condição de diretor-geral da empresa, era o responsável por cumprir a ordem judicial de retirada do vídeo da internet. “O TRE da Paraíba advertiu que o descumprimento da ordem acarretaria responsabilização criminal”, lembrou. (Edição: Aécio Amado)

sexta-feira, 22 de março de 2013

MEC CANCELA VESTIBULAR DE DIREITO NAS FACULDADES QUE ALUNO TIROU NO MÁXIMO (3) NO EXAME DA OAB


MEC SUSPENDE VESTIBULAR PARA CURSOS DE DIREITO MAL AVALIADOS PELA OAB
Lourenço Canuto - Repórter da Agência Brasil
Brasília – O ministro da Educação, Aloizio Mercadante, anunciou nesta Sexta (22) o fechamento temporário de autorização para novos cursos de direito e o cancelamento de vestibulares para todos os cursos cujos alunos formados tenham tirado nota até 3 no Exame de Ordem dos Advogados do Brasil (OAB). Ele lembrou que o ministério já determinou a suspensão de vestibular para os cursos de medicina que tiveram baixa avaliação de qualidade.
O MEC fechou hoje parceria com a OAB para a realização de trabalho conjunto visando estabelecer um marco regulatório para os cursos de direito. O presidente da entidade, Marcus Vinícius Coêlho, disse que a reprovação de 93% dos estudantes de direito na última prova da ordem indica que está havendo no país um "estelionato educacional". “O professor faz que ganha bem, faz que ensina; o estudante faz que aprende e quem está sendo prejudicada é a sociedade”.
O Acordo de Cooperação Técnica assinado entre o MEC e a OAB vai definir este ano novos critérios para autorização e reconhecimento do curso de bacharel em direito, além da identificação periódica de demanda quantitativa e qualitativa dos profissionais da área. Os estágios deverão ser supervisionados e os cursos serão oferecidos apenas em locais onde haja estrutura jurídica que favoreça o aprendizado e o desenvolvimento da atividade profissional. É necessário que, nos locais onde há cursos, haja também Fórum, Tribunal de Juri, Defensoria Pública, Ministério Público e Promotoria.
O grupo, formado por três membros do MEC e três da OAB, será coordenado por um representante do ministério e vai promover audiências públicas para ouvir docentes, dicentes e toda a comunidade educacional. Coêlho disse que "o grupo não quer ser dono da verdade mas tem que ouvir quem faz o ensino jurídico e a sociedade para que o curso de direito seja oferecido com qualidade”. Segundo ele, o marco regulatório pode sair ainda em 2013. O presidente da OAB defendeu que a remuneração dos docentes seja compatível com o mercado, já que “o professor não pode ter o ensino como um bico, mas como uma missão educacional.” 
O ministro Mercadante lembrou que há 20 anos existiam no país 200 cursos de Direito e hoje são 1.200, com 800 mil alunos matriculados e 25% de ociosidade de vagas. Havia pedidos de autorização para mais 100 cursos que ofereceriam 25 mil novas vagas. Para o ministro, o aumento do número de cursos de direito ocorreu em época de recessão, quando houve um recuo dos estudantes para os cursos de engenharia. Com a retração da economia, a tendência é de que esse quadro se inverta, pois a procura por áreas técnicas aumentou. (Edição: Denise Griesinger)

VEREADOR GANHA PONTO NO CÉU - É INOCENTE, NÃO DESVIOU DINHEIRO DA PRAÇA DA BÍBLIA

ACUSADO DE DESVIAR DINHEIRO DA PRAÇA DA BÍBLIA, PROVOU QUE É INOCENTE
O blog cantou a pedra aqui, sobre o caso do vereador santareno Reginaldo Campos PSB, que estava sendo bombardeado por uma 'facção' de dentro da sua própria Igreja, acusado de estar envolvido em maracutaia, nos recursos para a construção da praça da bíblia.
A tal praça da bíblia foi alardeada pelo vereador pelos quatro cantos da cidade, como uma obra sua, mas após a liberação da verba de R$ 3 milhões, via Ministério do Turismo através da Caixa Econômica Federal, a prefeitura de Santarém, não depositou a contra-partida que seria de 10% do valor total da obra, ou seja: R$300 mil reais.
O dinheiro ficou aguardando a contra-partida da Prefeitura, que agora após uma grande exposição na mídia sobre um suposto desvio da verba, foi constatado em reunião nesta manhã de sexta (22) na Câmara Municipal, com todos os envolvidos no caso, que nada foi sacado da Caixa Econômica e a verba está lá guardadinha e intacta.
O governo Von prometeu resolver o problema e dar prosseguimento na obra, deve licitar de novo, providenciar os tramites legais e executar o projeto da tal praça que deixou o vereador Reginaldo Campos sem dormir umas duas semanas. Vamos aguardar! 
Reunião na Câmara de Santarém sobre a praça da Bíblia - Foto do Blog do JK 

SANTARENA COMPETENTE DEVE ASSUMIR CARGO NACIONAL DA EDUCAÇÃO EM BRASÍLIA

SANTARENA É CONVIDADA PARA OCUPAR CARGO NACIONAL NO MEC
Por Genildo Júnior 
A ex-secretária de educação de Santarém, professora Lucineide Pinheiro, foi convidada para ocupar o cargo de coordenadora nacional do ensino fundamental, sendo responsável do 1º ao 9º ano em todo o país. A função é ligada a Secretaria de Educação Básica do Ministério da Educação.
Nesta quinta, 21, o ministro da educação, Aloizio Mercadante, encaminhou o pedido de cessão da santarena ao reitor da UFOPA, José Seixas Lourenço, solicitando a cedência para Brasília. Ela é servidora há mais de 20 anos da Universidade Federal do Pará, depois migrou para Universidade Federal do Oeste do Pará.
Ao longo de sua carreira profissional já atuou na gestão de escolas estaduais, foi coordenadora do campus da UFPA em Santarém, secretária de educação na gestão da ex-prefeita Maria do Carmo por 7 anos e se destacou pela realização de inúmeras pesquisas no Oeste do Pará voltadas para educação, além da defesa dos direitos de crianças e adolescentes. Foi representante da União Nacional dos Dirigentes Municipal da Educação (UNDIME). Em 2012 foi candidata do PT à Prefeitura de Santarém.
No período que foi titular da SEMED, foi convidada para várias comissões nacionais, como transporte escolar e educação integral, por reconhecimento a revolução que realizou na educação local. Em sua gestão foram construídas e reformadas mais de 200 escolas municipais, a alimentação escolar passou a ser distribuída diariamente e com qualidade, o fardamento distribuído gratuitamente para toda a rede municipal e as escolas do campo ganharam novas oportunidades.
Os destaques também foram para os programas criados, como Arte na Escola da Gente que atendeu mais 60 mil crianças e adolescentes, ampliação do Casinha de Leitura, Pró Jovem, Pró Letramento, Escola do Parque, Escola da Floresta e Educimat. As três escolas de tempo integral - Enfermeira Selma Carolina (Urumari), Irmã Dorothy (Eixo Forte), Frei Fabiano (Caranazal) e o primeiro Centro de Educação Infantil Paulo Freire também foram grandes marcas, além da valorização dos profissionais com a implantação do Piso Salarial Nacional. Deixou a SEMED com mais de 30 escolas em obras e recursos em conta para a construção de novas quadras cobertas e Unidades Municipais de Educação Infantil (creches).
Lucineide Pinheiro não confirmou ao MEC se aceita o convite. “Gostamos deste reconhecimento, no entanto, estamos analisando para assim dizermos ao ministro Mercadante e sua equipe se iremos para o trabalho em Brasília”, destacou a professora. (Assessoria de Lucineide)

O público não está trocando de canal, mas de mídia. Foi-se o tempo dos 100% de ibope

Fernanda Torres nasceu no Rio de Janeiro 15 de setembro de 66, é atriz e diretora de teatro entre outras profissões escreve regularmente para a Revista Veja Rio e na Folha de SP. 
QUANDO EU era pequena, sabia pela voz do Cid Moreira se era hora da janta, pela do Chico Anysio se era hora de dormir, e pelo riso do Dick Vigarista se era hora de ir para a escola. A TV, como os primeiros relógios públicos da idade média, regulava a vida dos brasileiros.
Esse fenômeno não existe mais na geração dos meus filhos. O cotidiano deles é pautado por desenhos animados e filmes, pelos realities e programas de curiosidade científica. Todos veiculados na TV paga.
Mas a TV por assinatura dá traço de audiência no Brasil. Como explicar? Pode ser que minha família faça parte de uma elite sem nenhum significado para a economia, mas sempre que olho o meu guri entretido com o computador e a TV, me pergunto se esse zero está correto.
Os "gatonets" conectam os bairros populares há tempos e nunca foram contabilizados. Para combater as redes clandestinas, comandadas por milícias organizadas, foram oferecidos contratos a um custo de R$ 30 às comunidades pacificadas do Rio de Janeiro.
Que mudança trará a legalização e subsequente inclusão da TV paga nas pesquisas?
O público não está trocando de canal, mas de mídia. Foi-se o tempo dos 100% de ibope. O número de aparelhos ligados segue uma tendência de queda, enquanto os milhares de sites de relacionamento e vídeo games on-line se multiplicam. Em um quadro tão pulverizado, o pequeno resultado tem relevância.
Antes, as empresas de telecomunicações controlavam o conteúdo e a emissão de sinal. Hoje, a telefonia detém a transmissão, enquanto as antigas emissoras se consolidam como produtoras de programação. Continue lendo...

REITOR DA UFRA FOI CONDENADO A DEVOLVER DINHEIRO PÚBLICO, POR OBRA NÃO EXECUTADA


REITOR DA UFRA TERÁ QUE DEVOLVER DINHEIRO AOS COFRES 
O reitor da Universidade Federal Rural da Amazônia (Ufra), Sueo Numazawa, foi condenado a devolver dinheiro aos cofres públicos após um débito decorrente de superfaturamento no pagamento de serviços não executados no prédio central da instituição. O professor que cumpriu um mandato de 4 anos está afastado há três meses das atividades, após as denúncias. Hoje, três chapas concorrerão à eleição para novo reitor da insituição. Além dos professores, alunos e servidores participarão do pleito.
A comunidade acadêmica da Ufra chegou a enviar uma carta ao ministro da Educação, Aloizio Mercadante, pedindo explicações sobre a permanência do atual reitor da instituição no cargo, mesmo diante dos vários processos em que Numazawa é investigado por improbidade administrativa.
O professor foi denunciado pelo Ministério Público Federal (MPF), em um processo por Dano ao Erário, que também gerou uma Ação Civil de Improbidade Administrativa.
O reitor foi condenado no mês de fevereiro, por um processo movido pelo Tribunal de Contas da União (TCU) do tipo Tomada de Contas Especial, pela prática de ato de gestão ilegal.
O debito decorre do superfaturamento do pagamento de serviços não executados na ala "C" do prédio central da Ufra, em 2005, após um convênio assinado entre a Ufra e a empresa S. R Construções Ltda. O valor executado para o serviço foi de R$ 86.825,17 e após ser atualizado pelo TCU até o dia 5 de fevereiro, chega ao valor R$ 123.821,37, que deverão ser devolvidos aos cofres da universidade. Devido ao afastamento de Numazawa do cargo de reitor, não foi possível contato para que ele esclarecesse as acusações.
Em carta de resposta, a UFRA afirma que as denúncias citadas na carta da comunidade acadêmica são apenas de um professor, e não de todos os docentes. (Amazônia – ORM)

JUSTIÇA TOMA 100 MILHÕES DE CARLINHOS CACHOEIRA


JUSTIÇA SEQUESTRA R$ 100 MILHÕES EM BENS DE GRUPO DE CACHOEIRA
Débora Zampier - Repórter da Agência Brasil
Brasília – A Justiça Federal em Goiás decretou o sequestro de mais de R$ 100 milhões em bens registrados em nome do grupo do contraventor Carlinhos Cachoeira. O objetivo é reaver produtos resultantes da atuação criminosa da quadrilha, que explorava ilegalmente jogos de azar no Distrito Federal e em Goiás.
A determinação do sequestro de bens saiu neste mês, após intervenção do Ministério Público. Os procuradores haviam recorrido da decisão que, no final do ano passado, condenou Cachoeira e seu grupo por formação de quadrilha armada, corrupção ativa, peculato e violação de sigilo de servidores públicos.
De acordo com o Ministério Público, a decisão não havia deixado claro os efeitos financeiros das condenações. O órgão alega que, embora ainda esteja apurando o valor total dos bens adquiridos pela quadrilha, o sequestro de bens servirá para quitar parte da dívida.
Na revisão da sentença condenatória, o juiz federal substituto Daniel Guerra Alves fixou multa de R$ 156 mil para pagar gastos do Estado com operações especiais voltadas a inibir a atuação do grupo criminoso. (Edição: Beto Coura)

quinta-feira, 21 de março de 2013

Muito otimistas, os seres humanos associam a palavra novo à palavra melhor. Gostamos de descrever as mudanças na nossa vida como "o progresso da humanidade".

Fernando Reinach é especialista em biologia molecular e ex-professor titular no Departamento de Bioquímica da Universidade de São Paulo (USP). 
Mas o novo não é sempre melhor. A redescoberta dessa afirmação óbvia é uma das novidades deste início de século e tem aumentado nosso interesse pelo modo de vida nas sociedades ditas primitivas. Você segue a dieta do caçador ou é vegetariano? Que tal corrermos descalços? Educar em casa ou na escola? E o colchão, não deveria ser mais duro?
Nosso passado é longo. Os ancestrais do Homo sapiens surgiram 1 milhão de anos atrás. Durante os primeiros 800 mil anos viveram coletando o alimento de cada dia, todo dia, o dia todo. Vagavam pelas estepes e florestas africanas, fugindo dos predadores. Nós, os Homo sapiens, surgimos faz aproximadamente 200 mil anos e somos descendentes dos indivíduos que sobreviveram a esta intensa seleção natural que durou 800 mil anos.
Nestes últimos 200 mil anos, ainda passamos 185 mil deles vivendo em pequenos grupos, coletando raízes, caçando, pescando, nos espalhando por diversos continentes. Os nossos antepassados que sobreviveram a esse tipo de vida descobriram a agricultura e domesticaram os animais faz 15 mil anos. Neste período, passamos 10 mil anos em pequenas vilas. Faz talvez 5 mil anos que nos organizamos em cidades maiores e somente há 200 anos ocorreu a Revolução Industrial.
Nesta história de 1 milhão de anos, o passado recente não é a Revolução Francesa ou a locomotiva a vapor, como insistem os currículos escolares. O ontem é o fim da Idade da Pedra, a organização social de tribos nômades e o modo de vida dos primeiros agricultores. O carro e a internet surgiram faz alguns segundos.
O novo livro de Jared Diamond, The World Until Yesterday (O Mundo Até Ontem, em tradução livre), é sobre esse ontem e sobre o que ele pode nos ensinar. São 500 páginas de observações fascinantes. Aqui vai um aperitivo para aguçar seu apetite.
Nas sociedades tradicionais, as crianças, antes de aprenderem a andar, são carregadas pelas mães. Em todas as culturas tradicionais, logo que a criança consegue firmar o pescoço, ela é transportada na posição vertical. Pode ser nas costas ou na frente da mãe, seja com o auxílio dos braços ou utilizando dobras das roupas ou artefatos construídos para esse fim. Continue lendo... 

BARBOSA CRITICA CONLUIO NO CNJ APÓS VAZAMENTO DE E-MAIL

E-MAIL VAZADO POR ACIDENTE LEVANTA SUSPEITAS DE CONLUIO DENTRO DO CNJ
Mensagem enviada para juízes de todo o País relata que conselheiro indicado pela advocacia deu liminar que beneficiaria filha de Tourinho Neto, ocupante de vaga destinada a magistrados federais e com quem presidente do STF bateu boca
Felipe Recondo - O Estado de S.Paulo
BRASÍLIA - A crítica feita pelo presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), Joaquim Barbosa, ao "conluio" de juízes e advogados ocorre dias depois de uma troca de e-mails ter provocado constrangimento entre juízes federais e ter levantado desconfiança sobre uma decisão no Conselho Nacional de Justiça (CNJ). A suspeita era de favorecimento à filha do conselheiro Tourinho Neto, que ocupa a vaga no órgão dos juízes federais, a partir de uma decisão tomada pelo conselheiro Jorge Hélio, indicado pela advocacia.
Foi durante uma discussão com Tourinho Neto, em sessão do conselho na terça-feira, que Barbosa citou o "conluio" entre magistrados e advogados e que disse haver "muito juiz para botar para fora". O presidente do STF também comanda o CNJ.
A filha de Tourinho Neto, a juíza Lilian Tourinho, buscava no CNJ uma decisão que lhe garantisse o direito de participar de um concurso de remoção. Ela queria deixar uma vara do Pará e mudar para Salvador.
O pedido já tinha sido rejeitado no Tribunal Regional Federal, onde ocorreria a transferência, pois Lilian Tourinho estava há menos de um ano na mesma vara. Pela regra do TRF, o pedido de remoção só pode ocorrer depois de o juiz ficar um ano em uma mesma localidade.
Relator do pedido, o conselheiro Jorge Hélio foi abordado por Tourinho Neto antes de tomar uma decisão. "Está chegando um requerimento de minha filha e é coisa urgente", disse Tourinho na ocasião, como ele próprio contou ontem ao Estado. "Concedendo ou negando, despacha logo", pediu ao colega.
E-mail na lista. Jorge Hélio recebeu o processo e suspendeu provisoriamente o concurso de remoção, o que atendia ao pedido da juíza. O e-mail remetido por um assessor a Tourinho Neto, a que o Estado teve acesso, provocou suspeitas entre os magistrados. Na mensagem, o assessor de Tourinho afirma que Jorge Hélio passou no gabinete, informou que já havia decidido a questão, mas a liminar, conforme a mensagem, ainda não tinha sido publicada. Continue lendo...

FACÇÃO EVANGÉLICA TENTA DEGOLAR VEREADOR DA IGREJA DA PAZ

BOMBARDEADO ATÉ POR COLEGAS DE CASA, VEREADOR SE VÊ ACUADO E PARTE PRA CIMA DO EXECUTIVO
Nesta sexta (22) o vereador evangélico Reginaldo Campos PSB, está convocando todos os interessados na questão polêmica da Praça da Bíblia, um projeto de sua autoria que ficou pelo meio do caminho, apesar da verba já estar liberada para a construção da mesma.
Reginaldo tem sido bombardeado nas redes sociais com duras cobranças sobre este projeto que ele fez uma farra danada, com muita propaganda da Praça, para mostrar serviço a comunidade, mas a obra parou devido a mudança de governo e o vereador se calou.
O dinheiro saiu de Brasília através do Ministério do Turismo e caiu numa conta específica da Caixa Econômica Federal, mas para ser sacado algum centavo, é necessário uma contra-partida da Prefeitura de Santarém, valores não foram revelados, mas o dinheiro está aí.
É fato que o PT perdeu o governo para o PSDB, que nos parece agora estar completamente perdido no emaranhado de situações do Executivo e paralisou tudo, obras, pagamentos para fornecedores, a cidade está engessada, e a Praça da Bíblia também.
Seria ingenuidade da nossa parte achar que o Reginaldo Campos, um simples vereador, tem cacife para sacar uma verba Federal na Caixa Econômica, com seus dotes e sua lábia, por isso quem de fato sabe sobre este dinheiro é o poder executivo que está mudo.
Agora diante da forte campanha evangélica na Internet, feita por outra 'Facção da Paz', que não é a do Reginaldo Campos, a coisa ficou pesada que até colegas parlamentares embarcaram na viagem e tentam agora destruir o vereador desmoralizando o nobre Irmão.
Reginaldo Campos sempre pagou para lhe exaltarem nas mídias, amadores, poucas vezes fez mídia profissional em seu favor, até por que o amador cobra mixaria, mas agora essa turma se revoltou contra ele conseguindo a adesão inclusive de colegas de Casa.
Reginaldo é o vira-casaca mais profissional que já apareceu na política santarena, ninguém ganha dele, por isso vai vencer os impostores, é simples de entender, que pelo fato de ele estar agora apoiando o prefeito Von PSDB, ele não vai cobrar a obra da Praça, pois tem neste momento, outros interesses que são acomodar os afilhados na prefeitura.
Reginaldo também não vai brigar com o governo derrotado do PT, pois deixou muitas pendências com governo passado e se indispor agora seria burrice, coisa que ele nunca teve em sua cachola. Então esquecer a Praça da Bíblia é a melhor saída.
Como devido o aperto da Facção da Paz, a briga ganhou fôlego e deixou Reginaldo Campos ressabiado, ele propõe agora que o Secretário de Infraestrutura da Prefeitura, venha a público esclarecer como está o processo da Praça da Bíblia que nem ele sabe.
E pelo que nós levantamos, nem o prefeito, nem o secretário estão cientes dos tramites desta obra, só agora devido o barulho, que estão averiguando para poder tomar pé da situação. Então nesta sexta (22), não percam mais um capítulo da novela: "A Praça da Bíblia".      

PUTY PEDE AMPLIAÇÃO DO PRAZO PARA O REFINANCIAMENTO DA PREVIDÊNCIA

DEPUTADO PUTY PEDE 60 DIAS PARA ADESÃO À PROPOSTA DA PREVIDÊNCIA
O deputado federal Cláudio Puty (PT-PA) sugeriu ontem ao ministro da Fazenda, Guido Mantega, a prorrogação de 60 dias no prazo de adesão de Estados e municípios ao refinanciamento dos débitos previdenciários previsto na Medida Provisória 589/2012. Pela indicação do governo, o prazo de encerramento da adesão é 29 de março, e o deputado sugere a mudança para 31 de maio de 2013. "Os municípios precisam de mais tempo para realizar cálculos e equalizar suas contas para atender aos requesitos postos pela MP 589, que ainda esta em tramitação no Congresso", justifica Puty.
Mais de 80% dos municípios brasileiros têm dívidas relativas à contribuição previdenciária. No Pará, essa estimativa supera a marca de 90%. Nesta situação, as prefeituras ficam impedidas de receber transferências voluntárias e outros recursos da União. Pela proposta do governo federal os débitos, provenientes de competências vencidas até 31 de dezembro de 2012, poderão ser pagos em parcelas a serem retidas no respectivo Fundo de Participação de Estado – FPE e Fundo de Participação de Municípios – FPM, no valor de 2% da receita corrente líquida da respectiva unidade federativa. Continue lendo...

MAGISTRADOS DO PARÁ ESTÃO EM BRASÍLIA APRENDENDO SOBRE JUIZADOS ESPECIAIS


MAGISTRADOS PARAENSES PARTICIPAM DE INTERCÂMBIO SOBRE JUIZADOS ESPECIAIS 
Magistrados, secretários de Juizados Especiais e servidores do judiciário paraense estão trocando experiências com juízes do Distrito Federal e de outros dez Estados brasileiro durante o curso "Aperfeiçoamento da Atividade Judicante e Compartilhamento de Conhecimento" ofertado pela Escola Nacional de Formação e Aperfeiçoamento de Magistrados (Enfam). O curso começou ontem, em Belém.
A abertura do evento foi feita pelo juiz de direito Ricardo Schmidt, do Tribunal de Justiça do Rio Grande do Sul. Para hoje está agendado um pronunciamento da diretora da Enfam, ministra Eliana Calmon, por videoconferência, às 9h, no auditório Agnano Lopes, na sede do Fórum Cível. O Judiciário do Pará foi o segundo Tribunal a sediar o curso. (Amazônia - ORM)

Dilma pode comemorar outra proeza - ter ultrapassado o seu patrono Lula pela primeira vez, embora por margem mínima. Vinte por cento dos entrevistados, ante 19% no levantamento anterior, consideram o seu governo melhor que o dele.

Editorial O Estadão
DILMA ESTÁ COM TUDO
O Estado de S.Paulo - 21/03
O consumidor brasileiro, em geral, não quer saber quanto desembolsará ao todo na compra de um produto em parcelas a perder de vista. Preocupa-se apenas em saber se a prestação mensal cabe no seu bolso. Esse mesmo cidadão, com toda a certeza, não sabe, e, se sabe, pouco se lhe dá, que ele é quem pagará futuramente pelas bondades do governo sem lastro na realidade econômica. Por exemplo, a desoneração tarifária que fez baixar a conta de luz - tida como uma das razões do crescimento da popularidade da presidente Dilma Rousseff. Mas é assim que o mundo funciona.
Na última pesquisa encomendada ao Ibope pela Confederação Nacional da Indústria, realizada pouco depois de ela anunciar, em rede nacional de rádio e de TV, a redução do preço da eletricidade e, adiante, o corte de impostos sobre os produtos da cesta básica, a avaliação positiva do governo chegou a 63%, ante 62% em dezembro. A aprovação pessoal de Dilma - do "seu jeito de governar" - passou de 78% para 79%; a confiança no seu desempenho, de 73% para 75%. Dada a margem de erro de 2 pontos porcentuais da sondagem, um economista diria, talvez, que o prestígio da presidente se mantém estável, com viés de alta.
O conjunto dos dados, no entanto, demonstra que essa é uma conclusão insatisfatória. Vistos em perspectiva, os números deixam claro que, nos últimos 12 meses pelo menos, se consolidou a tendência favorável a Dilma na opinião popular. Eis por que o possível candidato tucano ao Planalto em 2014, senador Aécio Neves, saiu-se com um disparate ao dizer que os resultados da pesquisa traduzem um "sentimento momentâneo". A menos que usasse o termo momento à maneira dos físicos (momentum), como sinônimo de impulso, aceleração.
Dilma pode comemorar outra proeza - ter ultrapassado o seu patrono Lula pela primeira vez, embora por margem mínima. Vinte por cento dos entrevistados, ante 19% no levantamento anterior, consideram o seu governo melhor que o dele. O contingente que discorda caiu de 21% para 18%, e os que não veem diferença entre ambos são hoje 61%, um aumento de 2 pontos porcentuais. No mesmo período do primeiro mandato de Lula, em março de 2005 portanto, apenas 39% julgavam "ótimo" ou "bom" o seu governo, 41% assinavam a alternativa "regular" e 17% o reprovavam. No boletim de Dilma, as notas são 63%, 29% e 7%. Continue lendo...

O POVO GRITA, MAS EM BRASÍLIA ELES ESTÃO SURDOS - FELICIANO CONTINUA NO POSTO


HENRIQUE ALVES APELA, MAS FELICIANO SEGUE PRESIDENTE DA COMISSÃO DE DIREITOS HUMANOS
Iolando Lourenço* Repórter da Agência Brasil
Brasília - Apesar de prometer uma solução ainda nesta quarta (20) para impasse em torno da presidência da Comissão de Direitos Humanos e Minorias da Câmara, o presidente Henrique Eduardo Alves (PMDB-RN), não conseguiu convencer a bancada do PSC a substituir o deputado Pastor Marco Feliciano (SP) da presidência do colegiado.
Hoje, na segunda reunião da comissão sob o comando de Feliciano, os manifestantes intensificaram os protestos e conseguiram impedir os trabalhos. Feliciano é alvo de protestos de grupos defensores dos direitos dos homossexuais e dos negros.
Os protestos começaram desde que o nome do deputado foi ventilado para presidir a comissão, já que caberia ao PSC a indicação do comando do colegiado. Feliciano é acusado de postar nas redes sociais mensagens consideradas homofóbicas e racistas.
“Conversei muito com o líder do PSC, André Moura, e o vice-presidente do partido, Everaldo Pereira, e disse que comissão está praticamente sem condições de fazer os trabalhos. Consegui deles a sensibilidade e a solidariedade de, respeitosamente, nos próximos dias, depois de reunião entre os membros do partido, encontrar uma solução que seja respeitosa para todos”, disse Alves.
Ao longo do dia, o presidente da Câmara apelou ao líder do PSC que convencesse o pastor Marco Feliciano a deixar o comando do colegiado. Essa seria a única maneira regimental para mudar a presidência da comissão. Isso porque Feliciano foi eleito pelos integrantes do colegiado. (*Colaborou Ivan Richard - Edição: Aécio Amado)

quarta-feira, 20 de março de 2013

O DEPUTADO MAIS ATUANTE DO OESTE DO PARÁ RECLAMA DA TURMA DO PARAZINHO

O Deputado Estadual mais atuante do oeste do Pará Nélio Aguiar PMN, reclama da postura de alguns Secretários do Governo em exercício Helenilson Pontes, que fazem pouco caso para as demandas do nosso povo. Desconhecem a distância que dificulta a relação entre o Governo que vive em Belém e o Oste do Pará. Nélio cobra mais atenção dos organismos do Estado em relação aos anseios da população da nossa região.

BRASIL PERDE A SUA MAIOR VOZ - MORRE EMÍLIO SANTIAGO


MORRE O CANTOR EMÍLIO SANTIAGO
Luiz Gomes - Especial para o Diário
Morreu nesta quarta-feira (20), aos 66 anos, o cantor Emílio Santiago. O sambista estava internado no CTI (Centro de Terapia Intensiva) de um hospital do Rio de Janeiro desde o dia 7 de março devido a um AVC (Acidente vascular cerebral isquêmico). O motivo e o horário da morte não foram informados pela assessoria do hospital.
Nascido no Rio de Janeiro em 6 de dezembro de 1946, Emílio Santiago iniciou a carreira em festivais universitários na década de 70. Grande intérprete, o músico ganhou fama em 1988 após lançar o LP "Aquarela Brasileira", um projeto especial de sete volumes dedicados ao repertório da música nacional. O trabalho teve mais de quatro milhões de cópias vendidas.
O cantor carioca tem como grandes sucessos na carreira Verdade Chinesa, Saygon e Lembra de Mim. O último disco de Emílio Santiago foi "Só danço samba", lançado em 2012, junto com um DVD. Antes do AVC, ele estava em turnê, com shows marcados para Rio de Janeiro e Campinas.
O local e o horário do enterro do cantor ainda não foram divulgados. (Diário do Grande ABC)

O senador Aécio Neves saiu do encontro desta semana com a impressão que Serra é PSDB e será sempre PSDB.

Rosângela Bittar é jornalista chefe de Redação em Brasília do Valor Econômico. 
Em 2014, seja na disputa da Presidência, seja de governos estaduais, a ordem nos partidos é apresentar candidatos. Até quem não tem chance nenhuma, sendo médio ou nanico, estruturado ou não, quer tomar o seu lugar na chave. O histórico de campanhas recentes tem mostrado aos políticos que é moderno e eficiente jogar com o segundo turno, seja para disputá-lo, seja para negociar aliança na campanha ou composição de governo com o vencedor. Muitos - a maioria -não querem esperar a eleição seguinte para ter sua vez. É o aproveitamento máximo do momento.
Por exemplo: A candidatura de Gilberto Kassab ao governo de São Paulo, já posta, é uma busca de resultados para já ou para o futuro? É claro que é para o futuro. Assim, são várias as candidaturas a presidente, no momento, que já ficaram irreversíveis, mesmo com as dificuldades quase invencíveis de uma disputa com uma presidente no cargo fazendo um governo popular.
Faltam detalhes, alguns mesmo fundamentais, mas no plano geral da antecipação de campanha existem três candidaturas presidenciais adversárias à da presidente Dilma Rousseff praticamente irreversíveis, hoje: Eduardo Campos, Marina Silva e Aécio Neves. Outras podem surgir, mas essas já são.
A favorita absoluta é Dilma. Está no cargo, faz um governo popular com um lançamento de pacote de benefícios por semana, e tem uma aliança partidária ampla que lhe permite um espaço de propaganda inigualável. Mas ninguém quer desistir de véspera, pois há, no sistema eleitoral, o bendito segundo turno, para reduzir o número de perdedores. Até a oposição conta com ele para manter as esperanças caso seja ela a passar à nova rodada.
Entre todas, a candidatura menos construída é a de Aécio Neves. A Marina falta o partido, a Eduardo ser conhecido, a Dilma - a pesquisa Ibope mostrou, ontem -, falta um governo que lhe dê discurso para além da propaganda. A Aécio falta tudo.
O que menos falta é o que os adversários mais cobram: o discurso. Para começar, entre todos, Aécio é o único candidato realmente de oposição, por isso pode ter um discurso definido e confortável quando chegar o momento.
Depois, para enfrentar a propaganda das campanhas políticas, um discurso temático importa pouco. A disputa, na reeleição, se dá entre continuidade e mudança. É muito difícil fazer a mudança quando a maioria quer a continuidade, e vice-versa. A não ser que sobrevenha uma hecatombe. Continue lendo...

PERIGO: QUEM FEZ REDUÇÃO DE ESTÔMAGO NÃO PODE INGERIR ÁLCOOL

QUEM FEZ CIRURGIA BARIÁTRICA DEVE EVITAR INGESTÃO DE BEBIDA ALCOÓLICA, RECOMENDAM ESPECIALISTAS
Aline Leal - Repórter da Agência Brasil
Brasília – As pessoas que fizeram cirurgia bariátrica devem evitar a ingestão de bebida alcoólica, conforme  recomendação de Simone Marchesini, coordenadora-geral de psicologia da Comissão de Especialidades Associadas, da Sociedade Brasileira de Cirurgia Bariátrica e Metabólica (SBCBM).  “A sensibilidade ao álcool aumenta depois da cirurgia e, além disso, é um líquido com alto valor calórico”, disse.
Mário Carra, presidente da Associação Brasileira para o Estudo da Obesidade e da Síndrome Metabólica (Abeso), concorda com Simone. Ele explicou que o álcool é absorvido mais rapidamente por quem fez a cirurgia bariátrica, e isso acelera a embriaguez. Constatou que muitos trocam a compulsão por comida pela compulsão por bebida. “A recomendação é não beber álcool, e isso é explicado desde antes da cirurgia”, disse Carra.
Segundo ele, a cirurgia bariátrica não cura a obesidade, ela controla. “A pessoa tem que entender que obesidade é doença crônica. Se o paciente não se controla, se não adota os exercícios físicos e uma nova alimentação, ele vai voltar a ganhar peso. A cirurgia é só metade do caminho do paciente obeso”, ressaltou.
Almino Ramos, presidente da SBCBM, declarou que essa consciência de mudança de estilo de vida a pessoa que passou por uma cirurgia bariátrica tem que ter. “É preciso fazer uma reeducação alimentar, passar a fazer atividades físicas, ter horários para comer, comer devagar, seguir o uso de determinados suplementos. Alguns pacientes não se adaptam a esse programa e correm riscos de ter resultados inferiores aos previstos, voltam a ganhar peso ou a ter os problemas de saúde de antes”, disse.
Simone Marchesini destacou que muitos pacientes, após a cirurgia, passam a se sentir bem e, por isso, deixam de tomar os suplementos necessários, e quando vão procurar ajuda já estão com anemia grave. Luzia Tremendani, de 32 anos, fez a cirurgia há quatro anos e disse que quando emagreceu deixou de tomar os suplementos. “Agora percebi que estou com anemia, pensei que eu não precisava tomar mais as vitaminas”,disse. “É preciso ver a cirurgia como uma mudança de estilo de vida, e não como mais uma dieta, se não ela volta ao estilo antigo”, alertou Simone. Segundo ela, “periodicamente a pessoa tem que ir ao serviço bariátrico para renovar o compromisso com o estilo de vida de magro”, completou. Continue lendo...

MEC MANDA REDES DE ENSINO DEFINIREM CALENDÁRIO DE FÉRIAS PARA A COPA

REDES DE ENSINO DEVEM DEFINIR CALENDÁRIO DE FÉRIAS DURANTE COPA DO MUNDO
Mariana Tokarnia - Repórter da Agência Brasil
Brasília – Com a aproximação da Copa do Mundo de Futebol de 2014, o Ministério da Educação (MEC) recomenda que os sistemas do país ajustem o calendário de aula durante o período do evento, especialmente nos locais que vão sediar os jogos. A decisão foi publicada hoje (19) no Diário Oficial da União (DOU).
O MEC entende que a Lei Geral da Copa (12.663/2012) não pode se sobrepor à Lei de Diretrizes e Bases da Educação Nacional (9.394/1996). A Lei Geral da Copa estabelece que os sistemas de ensino ajustem os calendários escolares de forma que as férias escolares das redes pública e privada abranjam todo o período da Copa, de 12 de junho a 13 de julho do próximo ano. Já a LDB define que o calendário escolar seja adequado às peculiaridades locais e que devem ser cumpridos, no mínimo, 200 dias letivos.
As férias escolares do primeiro semestre letivo têm duração de uma a duas semanas. De acordo com a presidenta da Federação Nacional das Escolas Particulares (Fenep), professora Amábile Pacios, o recesso poderia prejudicar o processo pedagógico desenvolvido pelas escolas. “A Lei Geral da Copa previu o não funcionamento de todas as escolas por 31 dias, quando apenas 12 municípios vão receber os jogos. Entendíamos que não havia necessidade. Podemos administrar as aulas nos centros onde acontecerão os jogos e, nos jogos do Brasil, ajustamos os horários, como o país sempre fez”. (Edição: Denise Griesinger)

terça-feira, 19 de março de 2013

GOVERNADOR TAPAJÔNICO CRITICA UNIFICAÇÃO DO ICMS


GOVERNADOR EM EXERCÍCIO CRITICA PROPOSTA DE ICMS
Alíquota só beneficiaria um estado da região amazônica
Longe de qualquer consenso, a proposta de unificação do ICMS (Imposto Sobre Circulação de Mercadoria) foi debatida nesta terça-feira (19), em audiência pública na Comissão de Assuntos Econômicos do Senado Federal.
Os governadores da região Norte e do Centro-Oeste foram os que mais reclamaram da proposta de unificação da alíquota. Primeiro a falar na audiência, Helenílson Pontes, governador em exercício do Pará, disse que não se pode discutir a unificação de alíquotas do Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços, proposta pelo Governo Federal, 'sem tratar de sua contrapartida'.
Segundo observou, ao contrário da maioria dos outros tributos, o ICMS não é cumulativo. Assim, não se poderia discutir a unificação apenas sob o ponto de vista das alíquotas de saída dos produtos, sem observar a contrapartida que são os créditos. Esse é, em sua avaliação, o primeiro equívoco da proposta do governo.
'É preciso debater as consequências da unificação do ICMS sobre os créditos', reiterou Helenílson Pontes. Helenílson também afirmou que é preciso haver tratamento isonômico dentro da região Norte, ou seja, que haja alíquotas iguais dentro dessa região. 'Se o estado do Amazonas tem vantagens em relação ao Brasil [devido à zona franca], isso não pode se dar em relação aos outros estados da região Norte', frisou.
Além de Helenílson, foram convidados governadores de outros seis estados: Omar Aziz (Amazonas), Wilson Martins (Piauí), André Puccinelli (Mato Grosso do Sul), Geraldo Alckmin (São Paulo), Renato Casagrande (Espírito Santo) e Tarso Genro (Rio Grande do Sul).
A audiência para debater o projeto de resolução 1/2013 e a medida provisória 599/2012, que tratam da unificação do ICMS, está sendo realizada pela Comissão de Assuntos Econômicos do Senado (CAE).
Centro-Oeste perde muito - O governador de Mato Grosso do Sul, André Pucinelli, que representou a região Centro-Oeste, foi duro ao criticar a proposta garantindo que a região vai 'quebrar' caso a proposta em andamento seja aprovada do jeito que está.
Segundo ele, só o Mato Grosso do Sul perderia R$ 1 bilhao em receita e seria, aos poucos, 'desindustrializado', o que segundo o governador, teria consequências incalculáveis para a toda a regiao. (Odacil Canepa, da Sucursal de Brasília)

BARBOSA NÃO LIBERA BENS DE DUDA BLOQUEADOS NO MENSALÃO

BARBOSA MANTÉM BLOQUEIO DE BENS DE DUDA MENDONÇA
Decisão aguardará trânsito em julgado do processo
Jornal do Brasil – Por Luiz Orlando Carneiro
O ministro Joaquim Barbosa, presidente do Supremo Tribunal Federal e relator da ação penal do mensalão, negou os pedidos dos réus José Eduardo Cavalcanti de Mendonça (Duda Mendonça) e Zilmar Fernandes de restituição de seus bens apreendidos no curso do processo, e também o levantamento das "medidas constritivas patrimoniais", como sequestros e hipotecas.
As petições tinham sido feitas sob o argumento de que Duda e Zilmar foram absolvidos pelo plenário do STF no julgamento da AP 470. Assim, caberia a aplicação do dispositivo do Código de Processo Penal, segundo o qual, "em caso de sentença absolutória, o juiz ordenará a cessação das medidas cautelares e provisoriamente aplicadas".
Indeferimento
Ao indeferir os pedidos, o ministro Joaquim Barbosa considerou que outros dispositivos do CPP também regem a matéria. Ele citou o 118 - “antes de transitar em julgado a sentença final, as coisas apreendidas não poderão ser restituídas enquanto interessarem ao processo” - e o artigo 131 - que prevê o levantamento de sequestro “se for julgada extinta a punibilidade ou absolvido o réu, por sentença transitada em julgado”.
Para o relator da AP 470, os dispositivos sobre o assunto constantes do CPP não se chocam. "Com efeito, a absolvição importa a revogação das medidas cautelares desde que as coisas objeto de constrição não mais interessem ao processo. Caso contrário, é necessário aguardar o trânsito em julgado da sentença ou acórdão”.
Barbosa lembrou ainda que as "medidas constritivas" foram decretadas, fundamentalmente, para assegurar o ressarcimento dos danos causados pelos crimes imputados a Duda e Zilmar. “Tal finalidade, ao menos em tese, permanece de pé”, afirmou, uma vez que existe a possibilidade, “ainda que remota”, de alteração do quadro, caso o STF venha a acolher, por exemplo, embargos de declaração eventualmente interpostos pela Procuradoria-Geral da República. (Jornal do Brasil)

NA REDAÇÃO DO ENEM TEM DE TUDO - RECEITA DE MIOJO VALE 560 PONTOS

CANDIDATO ESCREVE RECEITA DE MIOJO EM REDAÇÃO DO ENEM E TIRA 560
Em outro caso, dissertações que apresentaram erros graves de grafia obtiveram nota máxima
O Enem 2012 já passou, mas não sem causar polêmica. Na última edição do exame, um candidato escreveu na redação como preparar um macarrão instantâneo no meio do texto, que deveria atender ao tema "Movimento imigratório para o Brasil no século 21". O estudante recebeu a nota 560, de um total de 1.000 pontos. As informações são do jornal O Globo desta terça-feira, 19.
Nos dois primeiros parágrafos, o vestibulando até chega a tratar de imigração ilegal no País. No trecho seguinte, no entanto, o candidato se atém à receita do Miojo.
Ele escreveu: “Para não ficar muito cansativo, vou agora ensinar a fazer um belo miojo, ferva trezentos ml’s de água em uma panela, quando estiver fervendo, coloque o miojo, espere cozinhar por três minutos, retire o miojo do fogão, misture bem e sirva” (sic). No parágrafo final, o aluno retorna ao tema proposto como se nada tivesse ocorrido. Das 24 linhas escritas, 4 são dedicadas à receita.
De acordo com o Ministério da Educação (MEC), a presença da receita foi detectada pelos corretores e considerada "inoportuna" e "inadequada", o que lhe provocou uma "forte penalização". Continue lendo...

CFM DETERMINA REGRAS DE TRABALHO PARA MÉDICOS DURANTE A COPA

CONSELHO FEDERAL DE MEDICINA FIXA REGRAS PARA ATUAÇÃO DE MÉDICOS EM GRANDES EVENTOS
Paula Laboissière - Repórter da Agência Brasil
Brasília – Diante da proximidade de eventos como a Copa das Confederações e a Copa do Mundo, o Conselho Federal de Medicina (CFM) fixou regras para a atuação de equipes médicas em grandes eventos sediados pelo Brasil.
As normas, publicadas hoje (19) no Diário Oficial da União, disciplinam a infraestrutura física e material para assistência ao público, além da atuação de médicos estrangeiros que estiverem acompanhando delegações em visita ao país.
De acordo com a resolução, toda entidade organizadora de eventos artísticos, sociais, competições e/ou treinamentos desportivos que necessite garantir assistência médica deverá ter o serviço inscrito no Conselho Regional de Medicina (CRM), com diretor técnico e corpo clínico definido.
Em casos de eventos fora da base territorial onde o serviço médico está inscrito, deverá ser feita inscrição provisória no CRM da jurisdição. O registro vai ter prazo de validade compatível com a duração da competição, não podendo exceder 90 dias contínuos ou fracionados dentro de um mesmo exercício fiscal.
Para eventos internacionais, o diretor técnico médico da entidade organizadora deve apresentar ao CRM, com antecedência de pelo menos 30 dias, a solicitação de autorização especial para médicos estrangeiros, acompanhada de uma lista da equipe e uma cópia do diploma de cada um, expedido pelo país de origem e chancelado pelo órgão regulador da medicina.
“Ao médico estrangeiro que se encontra com visto de turista, trânsito ou temporário é vedado o exercício de atividade remunerada”, informou o CFM. Segundo o texto, ele somente poderá prestar assistência médica aos membros integrantes de sua delegação. Para membros de outras delegações, o atendimento só será permitido em casos emergenciais. Continue lendo...

HUCK DIZ QUE CASAMENTO COM ANGÉLICA ESTÁ TRANQUILO


LUCIANO HUCK DESMENTE CRISE NO CASAMENTO
Por Fernanda Oliveira (MBPress)
Durante evento realizado na cidade de São Paulo, Luciano Huck resolveu falar sobre os constantes comentários de que seu casamento com Angélica estaria em crise.
O apresentador contou que a relação segue muito bem e também destacou que todas essas fofocam não os abalam.
"As pessoas inventam coisas para ganhar notoriedade, mas acho que esse tipo de pessoa está cada vez perdendo espaço.
O que importa para mim, de verdade, é da porta para dentro da minha casa e lá está tudo tranquilo", disse.
Na oportunidade, ele falou um pouquinho sobre como é ser pai de uma menina, já que depois de Joaquim e Benício, chegou Eva. "É bom. É diferente, mas é bom." (Terra)

34 ANOS DE SUCESSO EM SANTARÉM

LABORATÓRIO CELSO MATOS; 34 ANOS. A HISTÓRIA DA ANÁLISES CLÍNICAS E EXAMES LABORATORIAIS EM SANTARÉM E OESTE DO PARÁ.

Há 34 anos, precisamente em 19 de março de 1979, o farmacêutico bioquímico Celso de Ssouza Matos, juntamente com seu pai, um dos pioneiros em exames laboratoriais em Santarém, Setembrino Otaviano de Matos (in memoriam) fundavam o Laboratório CELSO MATOS.
A história da Análises Clinicas e Exames Laboratoriais em Santarém e no Oeste do Pará entra em um novo capítulo. Recém formado em farmacêutico bioquímico pela Universidade Federal do Pará, oficial militar, o Dr. Celso Matos inicia sua carreira profissional no Hospital Geral de Belém em 1978, retornando no ano seguinte para Santarém.
O LABORATÓRIO CELSO MATOS chega aos 34 anos como referência no seu segmento de mercado, primando sempre pela qualidade nos serviços, evolução constante em procedimentos diagnósticos avançados e modernização tecnológica, acompanhando o desenvolvimento social e econômico de Santarém e da região.
Qualidade para o LABORATÓRIO CELSO MATOS é um objetivo perseguido incansavelmente desde 1993, através da certificação anual de Excelência do Programa Nacional de Controle de Qualidade da Sociedade Brasileira de Análises Clínicas e certificação em Controle de Qualidade com a ISSO 9001/2000, de padrão internacional.
Atualmente o Laboratório CELSO MATOS é dirigido pelo Dr. CELSO MATOS e a Drª. SUELY MATOS.

PREMIAÇÃO DO CRF 2012 – PROFISSIONAIS DO ANO
Durante a primeira Plenária do ano, ocorrida no dia 14.01, a diretoria do CRF/PA definiu os farmacêuticos que serão homenageados durante a Solenidade do Farmacêutico, que acontecerá no próximo dia 23.03, na Sede Campestre da Assembléia Paraense, em Belém.
A escolha se deu em razão do profissionalismo e dedicação com que os profissionais selecionados desempenharam suas atividades durante o ano de 2012.

SENTINDO-SE TRAÍDO, ARTUR NETO AMEAÇA ABANDONAR PSDB


PREFEITO DE MANAUS ARTUR NETO AMEAÇA DEIXAR PSDB
“Apenas estou esperando, nesse episódio do ICMS, coerência e sobriedade do meu partido. Se votarem contra a diferenciação do ICMS, não vou nem discutir, vou mandar minha desfiliação e está acabada a conversa”, disse Artur
ACRITICA.COM
O prefeito de Manaus Artur Neto (PSDB), um dos mais importantes nomes entre os tucanos da política nacional, ameaçou nesta segunda-feira (18/03), deixar o partido caso a legenda vote contra a Zona Franca de Manaus no projeto que trata da unificação do ICMS interestadual no Congresso Nacional. 
O PSDB possui, atualmente, 48 deputados em exercício na Câmara Federal e 12 senadores e constitui a terceira maior força política no Congresso Nacional, perdendo apenas para PT e PMDB.
“Apenas estou esperando, nesse episódio do ICMS, coerência e sobriedade do meu partido. Se votarem contra a diferenciação do ICMS, não vou nem discutir, vou mandar minha desfiliação e está acabada a conversa”, disse Artur.
O tucano mirou ataque contra o colega tucano Geraldo Alckmin (PSDB), governador de São Paulo, Estado que é contra a vantagem que o Amazonas possui no atual projeto sobre o ICMS. “Não dou mais confiança de falar com o Alckmin. [...] Ele que faça o que quiser fazer da vida dele”, disse o prefeito.
Projeto
Os Estados do Sul e do Sudeste se articulam para promover mudanças nos projetos que o governo enviou à Câmara e ao Senado para levar adiante a unificação das alíquotas interestaduais de Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS). A informação foi publicada no último dia 11 no site do jornal Valor Econômico.
Uma das reivindicações deles será quanto ao fato de que o Estado do Amazonas, por conta da Zona Franca de Manaus, e o Mato Grosso, em função do gás natural, receberam tratamento diferenciado por parte do Governo Federal, visto que os dois estados manterão a alíquota de 12%, enquanto os demais estados da federação ficarão com uma alíquota unificada em 4%, no prazo de 12 anos.
Na Resolução que trata desse assunto e que será apreciada pelo Senado, há dois tipos de alíquota atualmente cobradas referente ao ICMS interestadual: 12% e 7%. Além disso, o governo enviou para essa Casa uma Medida Provisória (nº 599, de 2012) que cria os fundos de compensação e de desenvolvimento regional, e um projeto de lei complementar que altera o indexador das dívidas de Estados e municípios com a União – hoje indexada pelo IGP-D, o qual passará para o IPCA. (A Crítica)

A extorsão praticada contra os correntistas cipriotas é burra; só ajuda a reacender a crise da moeda única

Clóvis Rossi é jornalista de esquerda com mais de 40 anos de carreira, colunista da Folha de S. Paulo. já trabalhou em três dos quatro grandes jornais do país, Estadão, Folha e JB.
A EUROPA, a civilizada Europa, regrediu, no fim de semana, a um dos momentos mais negros e primitivos da recente história brasileira, o momento Fernando Collor. Refiro-me à decisão de sequestrar uma fatia dos depósitos em bancos de Chipre, equivalente ao confisco da poupança praticado em 1990 no Brasil.
Não adianta disfarçar o confisco como imposto. É "extorsão", diz um homem de mercado, Georges Ugeux, presidente do Galileo Global Advisors, banco de negócios norte-americano, que mantém o blog "Desmistificando as Finanças".
Uma extorsão burra, como escreve para "El País" José Carlos Díez, da empresa Intermoney: "Três anos depois da tragédia grega, que representou o início da crise do euro, o resgate a Chipre confirma que não há indícios de vida inteligente na Europa".
Resgate não é bem o termo que os cipriotas aplicam para o empréstimo de € 10 bilhões (R$ 25,8 bilhões) em troca do qual se praticou a extorsão. Editorial do "Cyprus Mail" diz que, "na prática, a União Europeia ofereceu um 'pacote de resgate' que está desenhado para destruir, em vez de resgatar, o que resta da economia de Chipre".
É o que pensa também boa parte dos portugueses, espanhóis, italianos e gregos igualmente "socorridos" e cujas economias afundam em recessão e desesperança.
O pacote cipriota, como era previsível, reacendeu todos os alarmes nos mercados, ao quebrar o tabu de que "os depósitos de pequenos poupadores são um pilar básico da sociedade e da democracia e devem ser a última opção para resolver uma crise de dívida", como ensina José Carlos Díez.
Volta o fantasma de que os países do sul da Europa tenham que dar o calote porque não suportam pagar os juros que os mercados estão cobrando para rolar suas dívidas. Juros que haviam se acalmado, que haviam suportado até a indefinição política na Itália, mas que "a ausência de sinais de vida inteligente na Europa" voltou a agitar ontem.
Afinal, qual é o correntista, em qualquer desses países e até em países mais sólidos, que não fica estressado e predisposto a tirar tudo do banco quando se rompe esse "pilar básico da sociedade e da democracia"?
Volta-se, com isso, ao princípio do problema: para salvar os bancos, pune-se a sociedade, a pretexto de que seria pior deixar quebrar os bancos ou permitir o calote da dívida dos governos. Continue lendo...

AS DESAVENÇAS ENTRE PROFESSORES E GOVERNO JATENE CONTINUAM


BENEFÍCIO A PROFESSORES DA REDE ESTADUAL VALE PARA QUEM ATUAVA NO ANO PASSADO 
Após anular a gratificação dos 581 professores que recebem para manter as turmas de convênio de 23 escolas públicas estaduais, em decisão publicada em Diário Oficial (portaria nº 296/2013), na última quinta-feira, a Secretaria de Estado de Educação (Seduc) informou ontem que os docentes receberão o valor até então pago por meio da gratificação convênio/vestibular como vantagem pessoal na remuneração.
De acordo com o Sindicato dos Trabalhadores em Educação Pública do Pará (Sintepp-PA), a nova medida incorpora somente os professores que já atuavam na rede pública de ensino até ano passado; os novos não receberão o benefício. A categoria aguarda a confirmação de uma audiência com a Seduc, prevista para a próxima quinta-feira. O sindicato propõe o pagamento de 20% das horas/aulas suplementares de todos os professores, incluindo os novos.
O coordenador geral do Sintepp, Mateus Ferreira, conta que há dois meses a categoria participa de audiências com o governo do Estado para reavaliar a decisão. "A Seduc alegou uma questão de inconstitucionalidade. Apresentamos então uma contraproposta: o pagamento de 20% das horas/aulas suplementares dos professores, justificada pela dedicação deles. Por exemplo, se o professor der 100 horas/aulas, seria recebido o valor de 20 horas/aulas. Esperamos que eles aceitem", explica. Continue lendo...

BRASIL TEM 5,8 MILHÕES DE ALCOOLATRAS

ALCOOLISMO ATINGE CERCA DE 5,8 MILHÕES DE PESSOAS NO PAÍS
Camila Maciel - Repórter da Agência Brasil
São Paulo - Histórico de consumo abusivo de álcool, síndrome de abstinência e manutenção do uso, mesmo com problemas físicos e sociais relacionados, é o tripé que caracteriza a dependência em álcool, segundo a psiquiatra Ana Cecília Marques, professora da Universidade Federal de São Paulo (Unifesp).
O tratamento da doença, que atinge cerca de 5,8 milhões de pessoas no país, segundo o Levantamento Domiciliar sobre o Uso de Drogas Psicotrópicas no Brasil, de 2005, não é fácil: dura pelo menos um ano e meio em sua fase mais intensiva e tem índice de recaída de cerca de 50% nos primeiros 12 meses.
"Ele precisa preencher os três critérios. Um só não basta para se considerar dependente", destaca a psiquiatra. Ela explica que o consumo contínuo e abusivo leva a uma tolerância cada vez maior do usuário à bebida. "O corpo acostuma-se com o [álcool]. Ele resiste mais e, para obter o efeito que tinha no começo com uma lata de cerveja, precisará tomar cinco". A falta do álcool provoca uma série de sintomas graves, como elevação da pressão arterial, tremores, enjoo, vômito e, em alguns pacientes, até mesmo convulsão. Esse é o quadro da síndrome de abstinência.
O terceiro critério para caracterização da dependência alcoólica está ligado aos problemas de relacionamento e de saúde provocados pelo consumo abusivo. "O indivíduo tem problemas no trabalho por causa da bebida. Ele perde o dia de trabalho mas, mesmo assim, bebe de novo". A professora destaca que, além da questão profissional, devem ser considerados diversos aspectos da vida do paciente, como problemas familiares, afetivos, econômicos, entre outros. Continue lendo...

segunda-feira, 18 de março de 2013

GOVERNO VON - UM INÍCIO DESPRESÍVEL QUE MAIS PARECE O FINAL

O POVO COMEÇOU A PERDER A CONFIANÇA NO VON
Meu amigo leitor da Coluna do Calango Seco, faltam apenas 24 dias para o Governo Von o 'BOM' completar 100 dias de Palácio Jarbas Passarinho. Assim vamos contando os dias para que de fato podemos fazer as cobranças prometidas ao povo de Santarém. 100 dias é o limite para sabermos se Von é de fato o 'BOM', como se intitulava na campanha... venham comigo...
Só lembrando algumas promessas - Von disse que iria melhorar a saúde em Santarém, que estava muito ruim no Governo petista da Maria do Carmo, disse que iria acabar com as filas, que no governo dele não faltaria médicos, remédios, que o bom atendimento seria prioridade e que ele era a mudança.
Em 100 dias - Já é possível observar as mudanças, já se pode dizer se realmente mudou para melhor a saúde, se tem de fato médicos suficientes e se o atendimento está padrão, da qualidade que o governo tucano prometeu.
Por enquanto só há uma triste comparação... O Secretário de Meio Ambiente de Von, o lendário Podalíryo Neto está sendo comparado com a Valéria Lima, a ex-secretária do governo Maria do Carmo. As comparações são as piores possíveis, Clique na foto para ler a matéria no Blog do JK   


Foto do Blog do JK
Outra bronca contra Von - Ouvintes da Rádio FM Guarany FM, uma das mais ouvidas de Santarém, reclamam do Assessor de Comunicação de Alexandre Von o 'BOM', que tem um programa matinal na emissora e baba o ovo do prefeito que irrita os ouvintes...égua, tem cada uma...
O negócio é o seguinte: De manhã cedo, nas primeiras horas do dia, o repórter Bena Santana, um dos mais sérios do jornalismo tapajônico, leva ao ar, as primeiras informações sobre a cidade, assim também as reclamações do povo, que cobra as promessas do prefeito Alexandre Von... até aí nada de mais, é só uma prestação de serviço a sociedade...
O problema é o âncora - O conhecido radialista Osvaldo de Andrade, que comanda como âncora, o início das manhãs na FM Guarany, recebe um dinheirão, é assalariado, tem um posto no primeiro escalão do Governo Von e faz de tudo para blindar o prefeitão que lhe paga bem... desfazendo as notícias do repórter Bena Santana, que está com o ouvinte na linha... putamerda! Só em Santarém acontece isso...kkkkkkk
Dedicação exclusiva - Um leitor nosso, disse que vai procurar o Ministério Publico Estadual, para denunciar tal situação do locutor Osvaldo de Andrade, pois ele acha que pelo fato do radialista estar com um cargo no primeiro escalão do governo Von, ele tem que ter dedicação exclusiva, segundo esse leitor, é lei e ele não pode estar fazendo o que anda fazendo nas manhãs tapajoaras... isso ainda vai dar em merda... vamos aguardar...
A mudança não veio - Nosso leitor assíduo do Espalha Brasa, um comerciante do centro de Santarém, que adora nas horas vagas estar na web, lendo o Blog, nos disse que acreditava que o Alexandre Von iria acabar com essa 'cultura do chiclete', de tapar buracos no asfalto com aquelas medidas paliativas...
Mas quando ele viu a turma do Von com aquelas pás, carrinho de mão e aquele caminhão de piche... nos disse rindo: "outro mentiroso no governo de Santarém, pensei que iria fazer diferente, asfaltar as ruas ao invés de jogar placas de piches para enganar o cidadão...", e tem mais nos disse um monte de boas verdades sobre o novo prefeito que a gente conta amanhã...
Por hoje é só, mas amanhã a gente volta cuns caralho!!!!kkkkkkkk
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...